Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Givanildo lamenta falta de eficiência do Paysandu

Belém (PA)

A derrota para o Boa Esporte fora de casa no último sábado, pela nona rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, deixou o Paysandu em situação delicada na competição, uma posição acima da zona de rebaixamento. O técnico Givanildo Oliveira, porém, elogiou o modo de jogar de seus comandados na partida em Varginha.

“Eu acho que foi um jogo igual e aberto, com os dois times saindo. O Boa, no primeiro tempo, estava na frente com quatro atacantes e mais um saindo. Então foi aberto, nós também tivemos a saída do Djalma pela direita. Até o nosso volante Zé Antônio arriscou de fora da área”, analisou.

Para o treinador, faltou à equipe de Belém mais precisão na hora de finalizar. Dois lances foram lembrados por Giva como cruciais para determinar o resultado negativo fora de casa.

“No lance do (Marcelo) Nicácio, que ele errou o domínio, poderia até perder, mas ficaria cara a cara com o goleiro. Depois, o Careca, que não conseguiu dominar a bola após uma boa jogada nossa. Ele errou e ainda foi de carrinho, mas se tivesse dominado bem ele teria tudo para invadir a área. Essas jogadas foram fundamentais”, completou.

O Paysandu volta a campo no próximo sábado, quando encara o ABC no Estádio do Frasqueirão. O duelo está marcado para as 21 horas (de Brasília).

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade