Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Leonardo 'se refugia' em ilha enquanto negocia Cavani com o Napoli

Nápoles (Itália)

Representante do PSG nas negociações com o Napoli pelo atacante Cavani, o diretor-esportivo Leonardo vem se exilando na ilha de Ísquia, próxima da sede do clube italiano, nos últimos dias. A informação é do jornal Il Mattino, que também revela a presença de Anna Billo, mulher do brasileiro.

De acordo com a publicação, Leonardo “relaxa” no local paradisíaco enquanto não se reúne com o presidente do Napoli, Aurelio De Laurentiis, para negociar a venda do jogador, destaque da seleção do Uruguai nesta Copa das Confederações, vencida pelo Brasil.

AFP
Leonardo está 'exilado' em ilha paradisíaca para aliviar tensas negociações com Napoli (foto: KENZO TRIBOUILLARD)
A imprensa internacional garante que o PSG está mais do que disposto a oferecer o que o clube italiano quer, algo que gira em torno de 63 milhões de euros (quase R$ 182 milhões), a multa de rescisão contratual. As bases salariais também já estariam acertadas com o atleta.

Leonardo, afastado de suas atividades oficiais durante um ano após empurrar um árbitro, vê em Cavani o homem ideal para formar dupla ofensiva com Ibrahimovic, intocável no time. Laurent Blanc, técnico recém-chegado ao Parque dos Príncipes, aprova o uruguaio.

Na última quarta-feira, Leonardo não compareceu ao seu julgamento, na França, por "estar negociando com um grande jogador", como afirmou um próprio diretor do clube. A Federação Francesa de Futebol (FFF) aumentou a sua suspensão para um ano, já que não pôde se defender.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade