Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

‘Letal’ no segundo tempo, Chape bate ASA e dispara na liderança

Arapiraca (AL)

Para garantir a liderança da Série B por mais uma rodada, a Chapecoense precisava derrotar o ASA de Arapiraca fora de casa nesta sexta-feira, e o time catarinense teve muita dificuldade para atingir seu objetivo. Empurrado por sua torcida, o Fantasmão de Alagoas pressionou os visitantes ao longo da primeira etapa, mas foram castigados no segundo tempo. Objetivo, o Verdão da Oeste não precisou de muito para fazer 2 a 0 e mostrar, mais uma vez, o motivo pelo qual é líder da competição, com seis vitórias e um empate.

Depois de suportar a pressão dos anfitriões ao longo da primeira etapa, a Chapecoense mostrou oportunismo e garantiu mais uma vitória na Série B. De cabeça, Fabiano fez o primeiro dos catarinenses, e, em um rápido contra-ataque, o volante Paulinho Dias deu números finais à partida.

O triunfo deixou a Chapecoense na liderança da competição, com 19 pontos somados, sendo quatro de vantagem para o segundo colocado. O ASA, por sua vez, com sete, abre o final de semana na 15ª posição e corre o risco de fechar a rodada na zona de rebaixamento.

Antes de jogar novamente pela Série B contra o Ceará, em Fortaleza, o ASA recebe o Flamengo na próxima quarta-feira, às 21h50, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, pela terceira fase da Copa do Brasil. A Chapecoense, por sua vez, volta a campo no dia 13 de julho, quando encara o Joinville, fora de casa, no clássico catarinense.

Arte GE.Net
O jogo - Para bater o líder da Série B e se afastar da zona de rebaixamento, o ASA partiu para o ataque desde minutos iniciais e levou perigo logo no primeiro lance. Osmar invadiu a área, ficou na cara do goleiro e tentou por cobertura, a bola ficou viva dentro da pequena área e a defesa da Chapecoense mandou para longe.

Os donos da casa continuaram pressionando e quase abriram o marcador em Arapiraca aos 15 minutos. O camisa 10 Didira carregou a bola com liberdade pelo meio, serviu Osmar, que emendou de primeira, batendo cruzado para o gol. O arqueiro Nivaldo espalmou para a área e evitou o primeiro do ASA.

O jogo ficou movimentado na etapa inicial. Os líderes da Série B ainda tentaram equilibrar as ações, mas o ASA dominava o jogo. Com rápidos contra-ataques, a Chapecoense até assustava. O time alagoano, no entanto, chegava com mais perigo.

No lance mais perigoso do primeiro tempo, aos 34 minutos, Reinaldo soltou a bomba de longe, o goleiro Nivaldo não conseguiu alcançar e a bola explodiu no travessão. Apesar do domínio, com boas chances de balançar as redes, o ASA não conseguiu chegar ao intervalo com vantagem no placar.

No segundo tempo, a equipe da casa continuou melhor e continuou ocupando o campo de ataque. A Chapecoense, no entanto, foi melhorando na partida e já não sofria a mesma pressão da etapa anterior. Com o jogo bastante equilibrado, o time catarinense mostrou o motivo pelo qual é o líder da competição.

Depois de suportar a pressão dos anfitriões no primeiro tempo, ao Verdão do Oeste balançou as redes. Aos 25 minutos do segundo tempo, Athos cobrou escanteio, Fabiano subiu bem, ganhou da zaga e marcou o primeiro gol da partida.

A desvantagem fez com que o ASA partisse para o ataque, abrindo espaços para as descidas dos visitantes. Em uma dessas jogadas, a Chapecoense foi ‘letal’. Aos 29, o volante Paulinho Dias escapou pela direita, bateu cruzado para o gol, a bola desviou na zaga e morreu no fundo das redes.

Se, depois do primeiro gol sofrido, o ASA ainda acreditava em uma reação, com a desvantagem ainda maior, o time de Alagoas não demonstrou força. Sem ocupar o campo de ataque da mesma forma, a equipe da casa aceitou a derrota e viu a Chapecoense disparar na liderança da competição.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade