Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Marcelinho Paraíba é detido em MG sob suspeita de dirigir embriagado

Varginha (MG)

Dois anos após ser preso sob suspeita de estupro, Marcelinho Paraíba, de 38 anos, está em outra confusão. O jogador do Boa Esporte Clube, de Minas Gerais, foi detido na madrugada deste domingo em Varginha (MG) acusado de dirigir embriagado. Ele conduzia seu veículo sem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nem a documentação do carro.

A Polícia Militar informa que a prisão ocorreu por volta das 5 horas da manhã porque o meia-atacante quase se envolveu em um acidente ao passar por um cruzamento no centro da cidade. O fato fez os policiais o seguirem e os relatos são de que ele saiu do automóvel “cambaleando e cheirando a álcool” ao ser abordado, de acordo com o jornal O Tempo.

Divulgação
Jogador dirigia sem carteira nem documentos do carro e sau do veículo "cambaleando"
Marcelinho não aceitou fazer o teste do bafômetro, mas admitiu à PM que tinha ingerido álcool durante conversa na delegacia. Sua CNH e os documentos do veículo foram levados mais tarde pela jovem que o acompanhava no carro, identificada somente como Estela. O veterano já foi liberado.

Em 2011, quando ainda defendia o Sport, Marcelinho Paraíba foi investigado por suspeita de estupro e chegou a ficar em uma cela comum de 20 metros quadrados com outros sete presos “de menor periculosidade”, como informou a Polícia Civil de Campina Grande (PB), mas houve um relaxamento da prisão.

Também em 2001, o jogador foi condenado a detenção de seis meses em regime aberto. O crime ao qual o meia-atacante era acusado foi uma agressão a um homem em casa de shows em Campina Grande, cidade onde nasceu, mas a justiça, mais tarde, considerou o crime prescrito, apontando falta de efeito na pena.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade