Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Bastidores - ( )

No reencontro com o São Paulo, Willian José nega “revanchismo”

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

O atacante Willian José defendeu, durante dois anos, a camisa do São Paulo, antes de se transferir para o Grêmio e, mais recentemente, para o Santos. Mas, pela primeira vez desde que deixou o Tricolor Paulista, o jogador irá enfrentar o seu ex-clube. Isto porque, a equipe praiana visita o São Paulo, no próximo domingo, a partir das 16 horas (horário de Brasília), no Morumbi, em confronto válido pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro.

Apesar disso, Willian José se mostra tranquilo nos dias que antecedem o embate contra a sua antiga equipe, negando que haja qualquer sentimento de revanchismo, por não ter tido mais oportunidades no time são-paulino.

“É o meu primeiro jogo contra o São Paulo, mas não tem nada de anormal. Esse jogo tem o mesmo sabor diferente de entrar sempre em campo, buscando a vitória. Não vai ser de outra maneira contra o São Paulo. Sabemos que vai ser um jogo muito difícil, mas vamos buscar a vitória”, disse o centroavante, que reiterou não ter problemas e nem guardar mágoas de ninguém no Tricolor.

“Não vou jogar para mostrar nada para ninguém, quero mostrar apenas para mim mesmo. Sei do meu potencial e quero ajudar o Santos a sair com a vitória, se Deus quiser, fazendo gol no clássico. Isso é o mais importante”, concluiu Willian José.

Ricardo Saibun/Divulgação/Santos FC
William José negou que irá encarar o reencontro com o São Paulo como uma revanche
Indicado pelo ex-técnico santista, Muricy Ramalho, o atacante já disputou quatro partidas com a camisa da equipe praiana, marcando um gol neste período.

Vale lembrar que Willian José está emprestado pelo Deportivo Maldonado (Uruguai), dono de seus direitos federativos, até o fim de 2014.

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade