Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Recopa Sul-americana - ( - Atualizado )

Renato Augusto diz ter observado Rogério Ceni adiantado do banco

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Mais uma vez, o posicionamento adiantado de Rogério Ceni acabou sendo decisivo no Majestoso. Renato Augusto, que entrou no segundo tempo e definiu a vitória do Corinthians por 2 a 1 encobrindo o goleiro do São Paulo, disse ter observado o comportamento do rival do banco de reservas.

“Eu tinha conversado com o Douglas. Eu já tinha visto, e ele também comentou. Acho que foi em um chute do Ralf, ele foi quase até a marca do pênalti. Quando a bola veio, vi o Rogério dando um passo, arrisquei e fui feliz”, afirmou o novo camisa 8 do Timão, herdeiro do uniforme de Paulinho.

No lento trajeto da bola até a rede, Renato se lembrou do jogo contra o Santos, ainda na primeira fase do Campeonato Paulista. A execução era mais fácil do que a de quarta-feira, mas o meia acabou mandando por cima, e o placar ficou zerado até o apito final no Morumbi.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Renato Augusto conseguiu contra Rogério Ceni o que não havia conseguido contra Rafael, do Santos
“Veio à minha cabeça aquele lance, eu me lembro de que tentei e não deu certo. Mas, com certeza, se eu tivesse que escolher entre um lance e outro, escolheria o gol contra o São Paulo. Foi um jogo importante”, comentou o jogador, feliz também por ter voltado a jogar após mais de três meses.

Para o gol em Rogério Ceni ficar mesmo na lista dos principais da carreira do meio-campista carioca, ainda é necessária uma confirmação. “Não ganhamos nada ainda. Se no dia 17 a gente não conquistar o título, tudo o que passou vai ser esquecido, o gol vai ser esquecido.”

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade