Comercial Expediente Contato
Acompanhe a GE.net
Futebol/Recopa Sul-americana - ( - Atualizado )

Tricolor e Timão põem orgulho em jogo em mata-mata internacional

Marcos Guedes e Luiz Ricardo Fini São Paulo (SP)

O Corinthians tem vantagem larga sobre o São Paulo no confronto direto, diferença ampliada nas disputas de mata-mata. Os tricolores exibem ao menos desde 1992 um orgulho pela trajetória internacional mais rica, com três títulos da Copa Libertadores. A decisão da Recopa Sul-americana colocará em jogo toda essa história.

O último embate internacional, em 1994, foi vencido pelo Tricolor nos pênaltis, mas é bem menor a importância da finada Copa Conmebol em relação à final da Recopa. O confronto entre o Timão, que finalmente conquistou a sua primeira Libertadores no ano passado, e a equipe do Morumbi, atual campeã da Copa Sul-americana, começará às 21h50 (de Brasília) desta quarta-feira.

O primeiro jogo é na casa do São Paulo, onde o Alvinegro se deu bem nas últimas visitas. No Campeonato Paulista deste ano, o time do Parque São Jorge venceu lá por 2 a 1 na primeira fase. Nas semifinais, após empate sem gols, nova vitória, nas batidas de pênalti, com direito a provocação de Alexandre Pato em Rogério Ceni.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Jadson está de volta da Seleção Brasileira e reforça a equipe tricolor no Majestoso internacional
O resultado quase causou o fim da linha para Luis Fabiano e para o técnico Ney Franco, mas eles acabaram ficando. E veem o Majestoso internacional --- cuja segunda partida acontecerá no próximo dia 17, no Pacaembu --- como uma boa oportunidade para virar o jogo de uma temporada até aqui complicada.

O sentimento se estende ao restante do elenco, que vem sendo bastante cobrado. “Todo título é importante, seria mais um de vários do São Paulo. Os jogadores estão querendo muito, e eu também”, afirmou o meio-campista Jadson, que volta da Seleção Brasileira para reforçar o time.

A formação tricolor, no entanto, foi escondida. Os portões fechados no CCT da Barra Funda na segunda e na terça impediram que fosse observado quem sai para o retorno do camisa 10. Aloísio parece o mais próximo de ir ao banco, mas Paulo Henrique Ganso também corre risco. No setor defensivo, sem o contundido Paulo Miranda, Ney Franco escalará Douglas na lateral direita, com Lúcio e Rafael Toloi no miolo.

Divulgação/Agência Corinthians
Tite confia em Danilo, que costuma aparecer muito bem nas decisões (foto: Daniel Augusto Jr.)
Do outro lado, o Timão terá se virar sem Paulinho, figura-chave da equipe nos últimos anos, novo jogador do Tottenham. Alessandro também está fora por contusão. Guilherme e Edenílson serão os substitutos de uma equipe que tenta mostrar que seu histórico 2012 não foi uma exceção.

Decisivo nas conquistas da Libertadores e do Mundial, Cássio quer mais. “A gente está tratando essa disputa como a briga por título importante, até por ser um clássico, o maior clássico de São Paulo hoje. Eles perderam para gente no Paulista, vão querer vencer de qualquer jeito. Nós também”, resumiu o goleiro.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X CORINTHIANS

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 3 de julho de 2013 (quarta-feira)
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Marcelo Van Gasse (SP) e Kléber Lúcio Gil (SC)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Douglas, Lúcio, Rafael Toloi e Juan; Rodrigo Caio, Denilson, Jadson e Ganso; Osvaldo e Luis Fabiano
Técnico: Ney Franco

CORINTHIANS: Cássio; Edenílson, Gil, Paulo André e Fábio Santos; Ralf e Guilherme; Romarinho, Danilo e Emerson; Guerrero
Técnico: Tite

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade