Atletismo/Mundial - ( - Atualizado )

Brasileiro de 23 anos se classifica para decisão do salto em altura

Moscou (Rússia)

O brasileiro Augusto Dutra Silva de Oliveira, 23 anos completados no mês passado, estreou de forma bem-sucedida no Mundial de Moscou. Na manhã deste sábado, ele conseguiu se classificar para a final do salto com vara ao alcançar a marca de 5,55m no Estádio Olímpico.

"Foi uma estreia difícil. Comecei na marca de 5,40m e errei os dois primeiros saltos. Aí, adiantei um pouco a marca da corrida e consegui acertar melhor o encaixe da vara para passar”, disse Augusto, que superou os 5,55m logo na primeira tentativa. “Eu já estava mais confiante”, justificou.

Sem nunca ter disputado um Mundial de Menores ou de Juvenis, ele briga pela medalha às 12 horas (de Brasília) de segunda-feira. “Quero repetir e se possível superar meu recorde pessoal (5,82m, estabelecido em junho). Se conseguir, acho que posso lutar por uma medalha", projetou.

O ucraniano Vitaly Petrov, consultor de salto com vara da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), aponta o francês Renaud Lavillenie, atual campeão olímpico e líder do ranking mundial de 2013, como franco favorito, mas vê chances de medalha para o brasileiro.

Eduardo Biscayart
Augusto Dutra está na final do salto com vara
"O salto com vara masculino tem um claro favorito ao título. Mas os outros dois lugares no pódio estão abertos e o Augusto, em um dia muito bom, pode almejar a conquista", disse Petrov. Thiago Braz da Silva (5,40m) e João Gabriel Souza (5,25m) não passaram das eliminatórias.

No decatlo, Carlos Chinin terminou o primeiro dia de competições na 10ª colocação entre os 34 competidores inscritos com 4.251 pontos – o norte-americano Ashton Eaton lidera com 4.870. Neste domingo, acontecem as disputas dos 110m com barreiras, lançamento do disco, salto com vara, lançamento do dardo e 1.500m.

Na primeira rodada dos 800m, Kleberson Davide ficou em quinto lugar em sua bateria com 1min48s28 e não se classificou para a semifinal. No disco feminino, Fernanda Borges Martins errou os três lançamentos a que tinha direito e acabou eliminada.

Em mais uma prova disputada na manhã deste sábado, a brasileira Joelma das Neves ficou apenas no sexto lugar de sua bateria nos 400m com o tempo de 53s01 e, desta forma, não passou para a próxima fase do Mundial de Moscou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade