Atletismo/Mundial - ( - Atualizado )

Bruno Lins é eliminado nos 200m por oito milésimos; Bolt avança

Moscou (Rússia)

Por pouco o Brasil não teve um representante na semifinal da prova de 200m do Campeonato Mundial de Atletismo, que está sendo disputado em Moscou, na Rússia. Milésimos mais lento, Bruno Lins não conseguiu a marca suficiente para avançar e foi eliminado na primeira fase da disputa.

Embora a competição só divulgue inicialmente os segundos e os centésimos feitos por cada corredor, um empate entre dois atletas foi a única condição para que os milésimos fossem mostrados. Seguindo o regulamento da competição, os três melhores atletas de cada uma das sete baterias que foram realizadas nesta sexta-feira avançariam à semifinal, junto com os outros três que tivessem o melhor tempo.

Com isso, Bruno Lins, que foi o quarto da terceira sessão, teve que esperar até o final para ver se avançaria por causa do tempo.Com 20s47, o equatoriano Alex Quiñónez foi o primeiro a se classificar, seguido pelo grego Likoúrgos-Stéfanos Tsákonas, que fez 22s55. Após fazer 20s600, o brasileiro ia se classificando até a quinta bateria, quando o polonês Karol Zalewski, que havia marcado 20s60, teve a marca de 20s592 divulgada após a leitura da chegada.

Aldemir Gomes da Silva Jr., o outro representante do Brasil na competição, terminou na quarta colocação da quarta sessão, com 20s73, e também acabou eliminado.

AFP
Usain Bolt garantiu vaga na semifinal apenas com a 21ª melhor marca da prova

Bolt avança à semi – Enquanto os brasileiros não avançaram, Usain Bolt, atual bicampeão mundial da prova, mostrou tranquilidade para se classificar. Com 20s66, apenas a 21ª melhor marca, o jamaicano foi o primeiro na sétima e última sessão disputada.

Quem terminou como o melhor da atividade desta manhã foi o sul-africano Anaso Jobodwana, que cravou 20s17.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade