Atletismo/Mundial - ( - Atualizado )

Com “tensão superada”, Fabiana Murer mostra confiança em busca do bi

Moscou (Rússia)

Atual campeã mundial, Fabiana Murer está confiante que pode buscar o bi em Moscou. Após suar além do imaginado e sofrer um susto para se classificar a final do salto com vara, a brasileira volta ao estádio Louzhniki nesta terça-feira, às 12h35 (de Brasília), para a disputa da grande final.

Nas eliminatórias, Murer não teve facilidade. Errou as duas primeiras tentativas e só conseguiu ultrapassar a marca dos 4,55m no terceiro salto, terminando na sexta posição de sua bateria. Nesta terça, porém, a atual campeã do mundo promete uma situação diferente.

“A final é outra prova, já passei pela tensão de superar a primeira altura da competição. Estou bem treinada e confiante. A preocupação é comigo mesma. Preciso fazer o que posso e torcer por uma boa colocação”, comentou a atleta.

As principais adversárias de Fabiana na final do salto com vara são a russa Yelena Isynbayeva, recordista mundial da prova, com 5,06 m, e que disputa a competição em casa, além da norte-americana Jennifer Suhr, atual campeã olímpica, que já saltou 5,02 m. Correndo por fora, aparece a cubana Yarisley Silva, que, assim como Murer, também sofreu para avançar à final.

A grande decisão do salto com vara feminino no Mundial de Moscou será disputada nesta terça-feira, às 12h35 (de Brasília), no estádio Louzhniki, na capital russa. Alemanha e Rússia, com três atletas cada, são os países que mais têm chances de faturar medalhas.

AFP
Atual campeã, Fabiana Murer é uma das favoritas ao título mundial do salto com vara nesta terça-feira

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade