Atletismo/Mundial de Moscou - ( - Atualizado )

Russas levam torcida à loucura com vitória sobre os EUA no 4x400m

Moscou (Rússia)

A torcida russa que ocupou a maioria dos assentos do lotado Estádio Olímpico de Moscou foi à loucura com o revezamento 4x400m feminino no penúltimo dia de disputas do Mundial de atletismo. Em prova emocionante, as representantes russas superaram a equipe dos Estados Unidos e se vingaram do resultado dos Jogos Olímpicos de Londres-2012.

Após abrir vantagem durante a prova, o time local viu Francena McCorory diminuir a diferença para Antonina Krivoshapka nos últimos 400m. Entretanto, a russa suportou a pressão da rival e cruzou a linha de chegada com o cronômetro a 3min20s19, apenas 0s22 à frente do time norte-americano. O bronze ficou com a Grã-Bretanha.

AFP
Russas fizeram a festa da torcida no Estádio Olímpico de Moscou com vitória no revezamento 4x400m
Poucos instantes depois, os torcedores russos voltaram a comemorar com a definição do salto em altura feminino. Com 2,03m, Svetlana Shkolina superou Brigetta Barrett por 0,03m e voltou a colocar a Rússia em vantagem sobre os Estados Unidos. A espanhola Ruth Beitia e Anna Chicherova, outra representante local, empataram em 1,97m e dividiram a medalha de bronze.

Nos 100m com barreiras, no entanto, Briana Rollins finalmente conquistou a primeira medalha de ouro norte-americana no sábado. A um dia de completar 22 anos, ela recuperou-se da largada ruim na metade final da prova e ficou com o ouro após cruzar a linha de chegada em 12s44. A prata ficou com a australiana Sally Pearsons, que liderou boa parte da disputa e completou os 100m apenas 0s06 atrás da campeã. Tiffany Porter (12s55), da Grã-Bretanha, ficou com o bronze.

Já nos 5.000m masculino, a Etiópia conquistou ouro e bronze com Mereset Defar (14min50s19) e Almaz Ayana (14min51s33). A prata ficou com o queniano Mercy Cherono (14min51s22). Enquanto isso, o tcheco Viteslavy Vesely atingiu a marca de 87,17m para garantir o ouro no arremesso de dardo. O finlandês Tero Pitkamaki (87,07m) e o russo Dmitri Tanabin (86,23m) completaram o pódio.

AFP
Briana Rollins conquistou única medalha de ouro dos Estados Unidos neste sábado

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade