Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Antes de maratona, comissão são-paulina comemora Reffis vazio

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Sem considerar o lateral esquerdo Thiago Carleto, que talvez só volte a atuar no ano que vem, o único jogador do elenco são-paulino no Reffis é o atacante Ademilson, até agora não vetado do próximo compromisso. Condição geralmente rara, a disponibilidade de quase todo o elenco é um alento à comissão técnica para enfrentar a lamentada sequência de quatro jogos em oito dias a partir de domingo.

"O Paulo (Autuori, treinador) conversou com a gente sobre essa tabela um pouco complicada. Ele vai precisar de todos. Não ter quase ninguém no departamento médico vai ser importante para quando precisar mesclar, trocar quem não estiver bem", diz o meia Jadson.

SPFC - Site Oficial
Único jogador atualmente no Reffis, atacante Ademilson sofreu entorse no tornozelo esquerdo
Depois de encarar o Botafogo (no domingo, no Rio de Janeiro), o São Paulo terá pela frente Náutico (em 3 de setembro, no Recife), Criciúma (no dia 5, em São Paulo) e Coritiba (no dia 8, em Curitiba). Uma série que lembra bastante a excursão de quatro partidas entre 31 de julho e 7 de agosto no exterior.

"Aquela semana foi complicada também. Além dos jogos seguidos, as viagens. Não tivemos nem tempo de recuperação. Foi muito cansativo. Alguns jogadores se contundiram. Não teremos viagens tão longas, mas vai ser praticamente a mesma coisa agora", lembra o camisa 10, que abandonou a turnê antes da viagem ao Japão justamente para se poupar.

A comissão técnica ainda não indicou claramente qual programação adotará nesta nova maratona, mas dificilmente repetirá a escalação nas quatro rodadas. Os atacantes Luis Fabiano e Aloísio, por exemplo, estão fora da primeira porque receberam o terceiro cartão amarelo e cumprirão suspensão. Assim, chegarão descansados para o compromisso seguinte, contra o Náutico.

Já o zagueiro Edson Silva e o volante Denilson, que passaram as últimas semanas se recuperando de problemas no joelho, voltaram a trabalhar com o restante do elenco. Ambos podem ser relacionados inicialmente para ficar no banco de reservas do Maracanã, diante do Botafogo, ao contrário do atacante Ademilson, dúvida por conta de entorse sofrida no tornozelo esquerdo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade