Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Após empate fora, Sacoman exige triunfo da Ponte em “dever de casa”

Campinas (SP)

Na briga para se distanciar da zona de rebaixamento, a Ponte Preta conquistou um ponto importante na última quinta-feira, diante do Vasco, em São Januário. Neste final, quando completa 113 anos de existência, a equipe campineira volta a jogar no Moisés Lucarelli e quer manter o embalo na competição. Desta forma, o zagueiro Diego Sacoman trata a partida como “dever de casa” e pede foco total de seus companheiros para que a Macaca conquiste os três pontos.

“É foco total agora no Criciúma. Esse ponto que trouxemos do Rio de Janeiro vai valer se fizermos o nosso dever de casa, que é a vitória. Estamos preparados para fazer um grande jogo domingo e diante da nossa torcida conseguir os três pontos”, afirmou o defensor pontepretano, que participou da jogada do gol de empate no duelo contra o Vasco.

Divulgação
O zagueiro Diego Sacoman pede foco total de seus companheiros neste domingo, contra o Criciúma
Com uma média baixa de público neste Campeonato Brasileiro, a Ponte somou apenas seis pontos em casa – uma vitória e três empates. Para mudar este panorama, o zagueiro acredita que o torcedor também deve fazer a sua parte e voltar a encher o Estádio Moisés Lucarelli, já que o incentivo das arquibancadas altera o desempenho da equipe em campo.

“É sempre bom ter o torcedor do nosso lado. Só nos ajuda dentro de campo. Esperamos que, jogando bem, traremos ainda mais o torcedor para o nosso lado. A torcida vai nos ver dando o sangue, correndo, e a vitória é consequência. Vamos procurar dar mais um passo pelo nosso melhor no campeonato”, convoca o zagueiro.

Neste segundo semestre, a Ponte Preta deve ter um calendário bastante apertado, pois, além da reta final do Campeonato Brasileiro, a equipe de Campinas participará da Copa Sul-Americana – o time alvinegro encara o Criciúma na primeira fase. O cansaço, no entanto, não será problema para Diego Sacoman.

“Há um desgaste, mas estamos acostumados com essa rotina. Temos um suporte importante, com alimentação e descanso. Agora é se preparar ao máximo para entrarmos em campo, bem, 100% para conseguir a vitória”, completa o jogador que entra em campo neste domingo, às 18h30 (de Brasília), no Estádio Moisés Lucarelli.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade