Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Arsene Wenger admite dificuldade para contratar no Arsenal

Londres (Inglaterra)

Sem conquistar um título há oito anos, o Arsenal mudou sua linha de investimentos nesta janela de transferências e foi em busca de jogadores consagrados no futebol mundial. Entretanto, o clube londrino ainda não conseguiu efetuar grandes transações. O treinador da equipe inglesa, Arsene Wenger, explicou o porquê da situação.

“Estamos abordando o mercado de maneira muito lenta, até mais do que era esperado. Os outros clubes têm mais dinheiro, e os times com jogadores talentosos não tem desejo de negociá-los. As opções nesta janela foram reduzidas. O Paris Saint-Germain compra grandes atletas por valores enormes, então é difícil”, destacou em entrevista à Al Jazeera Sport.

O principal alvo do Arsenal nesta janela de transferências é o atacante Luis Suárez, do Liverpool. O clube de Londres, inclusive, formalizou uma oferta no valor de 35 milhões de euros (R$107 milhões), mas teve a proposta recusada. Segundo a imprensa britânica, o Liverpool espera embolsar 47 milhões de euros (cerca de R$ 143,6 milhões).

Em entrevista ao jornal The Guardian, nesta terça-feira, o atleta uruguaio mostrou interesse em deixar o Liverpool e pediu para ser vendido. No entanto, o treinador Brendan Rodgers respondeu rapidamente e afirmou que não pretende negociar o atacante, que marcou 30 gols em 44 partidas na última temporada.

“É uma situação que, neste momento, está parada. O jogador está forçando sua saída? Ouvi falar sobre esse assunto, mas são coisas que potenciais compradores não sabem. Isso é entre Suárez e o Liverpool, não tem nada a ver conosco. Disseram-nos que o jogador queria sair do Liverpool, por isso, agimos”, encerrou Wenger.

AFP
Depois de apostar em jovens atletas, Wenger quer jogadores renomados no Arsenal

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade