Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Artilheiro com Dorival no Santos, André celebra parceria e sequência

Rio de Janeiro (RJ)

Em 2010, o Santos encantou o País com o time comandado por Paulo Henrique Ganso, Robinho e Neymar, que faturou o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil. Municiado pelo trio, André se estabeleceu como homemgol, chegando a ser convocado para a Seleção Brasileira. O centroavante, porém, entrou em má fase, mas agora conta com o apoio de um velho conhecido para ressurgir.

André foi contratado pelo Vasco para o Campeonato Brasileiro após passagens discretas por Atlético-MG e novamente Santos. No clube carioca, iniciou o trabalho com Paulo Autuori, hoje no São Paulo, mas logo reencontrou Dorival Júnior, com quem viveu os melhores momentos da carreira antes de sair para o Dínamo de Kiev.

“Sou suspeito para falar do Dorival, pois vejo ele como um pai. Fico à vontade com ele. Nunca duvidei de mim. Um jogador precisa de sequência e eu não vinha tendo isso. Mas agora tenho essa confiança que o Dorival vem me passando, algo que faz toda a diferença”, exaltou o atacante de referência titular do Gigante da Colina.

E a prova de que a confiança voltou aos pés de André está no clássico do último domingo, diante do Botafogo. O centroavante chegou a abrir o placar em cabeçada precisa, mas a arbitragem assinalou impedimento. Mais tarde aproveitou passe de Juninho Pernambucano e rebote da trave para fazer os dois tentos vascaínos na derrota por 3 a 2.

“Tentei ajudar o máximo possível, mas não consegui. Queria ter feito mais um gol pelo menos para empatar. Fiquei triste pela derrota, mas feliz pela reação do Vasco”, destacou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade