Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Avaí busca virada heroica fora de casa contra o América-RN

Ceará-Mirim (RN)

O América-RN amargava série de quatro partidas sem vencer na Série B do Campeonato Brasileiro e iniciou o duelo com o Avaí pela 17ª rodada disposto a acabar com a má fase. Os potiguares foram para o intervalo com dois gols de vantagem, mas sofreram apagão na etapa complementar e viram o Leão vencer de virada por 3 a 2 no Barretão, em Ceará-Mirim.

O Dragão saiu na frente com o centroavante Vandinho e ampliou em gol ‘sem querer’ do volante Márcio Passos. O time azurra reagiu no segundo tempo e virou com gols de Marquinhos, Bruno Maia e Júnior Negão, contra. O resultado deixa os catarinenses com 26 pontos, cada vez mais perto do G-4. Já os natalenses ficam na penúltima colocação com 15 pontos.

Na próxima rodada, a 18ª da competição nacional, o Avaí retorna a Florianópolis para encarar o lanterna ABC. O duelo está marcado para as 21 horas (de Brasília) de sexta-feira na Ressacada. No dia seguinte e às 16h20, o América encara o São Caetano, em partida que deve ser realizada no Nazarenão, em Goianinha.

Arte GE.Net
O jogo – O Dragão entrou em campo em ritmo acelerado e precisou de apenas três minutos para abrir o placar. O centroavante Vandinho invadiu a área, foi derrubado pelo volante Alê e o árbitro Emerson de Almeida Ferreira assinalou pênalti. Na cobrança, o próprio Vandinho bateu firme na bola e, mesmo com o desvio do goleiro Diego, balançou as redes.

O gol acordou os avaianos, que passaram a dominar a partida no Rio Grande do Norte. A primeira grande oportunidade saiu aos 38 minutos quando Cleber Santana buscou tabela com Marquinhos e exigiu grande defesa de Andrey. No minuto seguinte, Marquinhos cobrou escanteio, Andrey se atrapalhou, mas se recuperou a tempo de evitar o gol de longe do volante Rodrigo Thiesen.

Quem marcou, no entanto, foi novamente o América-RN. Aos 41 minutos, Diego saltou para afastar cruzamento da direita, escorregou e desviou a bola nas costas de Márcio Passos. O volante só teve tempo de ver a rede balançar e logo saiu para comemorar com os companheiros. No início da etapa complementar, o Mecão teve a chance de ampliar, mas novamente Márcio Passos acertou o travessão.

E se a falta de pontaria catarinense foi castigada no primeiro tempo, os potiguares também sofreram no segundo tempo. Aos 12 minutos, o centroavante Beto recebeu na grande área, prendeu a marcação dos zagueiros e apenas rolou para a chegada de Marquinhos. O camisa 10 mostrou categoria e apenas deslocou Andrey para diminuir.

Os americanos voltaram a desperdiçar boas chances com Laércio e Júnior Negão e o roteiro teve o mesmo desfecho: gol do Avaí, aos 30 minutos. Andrey saiu mal para afastar o perigo e o zagueiro Bruno Maia apareceu para tocar de cabeça e deixar tudo igual no placar no Barretão. Quatro minutos depois, Marquinhos cobrou falta na área, Júnior Negão desviou contra o próprio patrimônio e sacramentou a virada azurra para desespero do técnico Argel Fucks.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade