Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Avaí conta com falha do goleiro adversário e bate o ABC na Ressacada

Florianopolis (SC)

Com a chance de se aproximar do G-4, a diretoria do Avaí fez promoção e convocou a torcida para o duelo desta sexta-feira e teve um bom retorno. Dentro de campo, o time catarinense também não desapontou. Diante de um reformulado ABC, o Leão sofreu, mas contou com a ajuda do goleiro Lopes para vencer por 2 a 0 e somar mais uma vitória na Série B do Campeonato Brasileiro.

O primeiro gol da partida saiu ainda na etapa inicial, aos 39 minutos. Cléber Santana recebeu na área, pegou mal na bola, mas o arqueiro do ABC foi mal, permitindo a passagem da bola por baixo das pernas quando se abaixava para fazer a defesa. Já no fim, o meia catarinense mostrou categoria ao cobrar um pênalti e deu números finais ao jogo.

O triunfo na Ressacada deixa o Avaí com 29 pontos, apenas a um do grupo de acesso à elite do futebol brasileiro. Em fase oposta, o ABC precisa reagir imediatamente na Série B para não amargar o rebaixamento. O time potiguar permanece na última colocação, com onze pontos somados.

Na próxima rodada, o Avaí viaja a Varginha, onde enfrenta o Boa Esporte, na terça-feira, às 19h30 (de Brasília), no Melão. Mais tarde, no mesmo dia, às 21h50, o ABC tenta sua terceira vitória diante do América-MG, com o apoio da torcida no Estádio Frasqueirão.

Arte GE.Net
O jogo - Em busca de novos rumos na Série B, o ABC contratou onze jogadores para as próximas rodadas da competição. A mudança refletiu dentro de campo, o time potiguar, que precisava reagir imediatamente para fugir da zona de rebaixamento, começou o confronto na Ressacada de uma forma diferente.

Sem se importar com o fato de jogar fora de casa, o Mais Querido começou a partida no ataque, pressionou o Avaí e por muito pouco não conseguiu abrir o placar. A trinca de volantes, formada por Bileu, Edson, Daniel Paulista, deu segurança para os visitantes, que passava a surpreender em Florianópolis.

O time da casa, por sua vez, encontrava muitas dificuldades para chegar com perigo. Mesmo com a experiência de Marquinhos e Cléber Santana, o Leão não conseguia superar a falta de criatividade e tinha dificuldades para vencer a boa marcação potiguar. Antes do intervalo, no entanto, os catarinenses contaram com uma contribuição para marcar. Se a marcação do ABC estava sendo eficiente, Lopes não mostrou a mesma segurança.

Aos 39 minutos do primeiro tempo, o meia Cléber Santana recebeu do lado esquerdo da área, bateu cruzado de perna canhota e contou com uma bela ajuda do goleiro potiguar. A bola não ganhou força, mas passou por baixo nas pernas do goleiro, que se abaixava para fazer a defesa.

O time potiguar se abateu com o gol, mas logo se recuperou. Na volta do intervalo, o ABC seguiu melhor do que o Avaí e continuou fazendo uma de suas melhores apresentações nesta pífia campanha da Série B. O gol, no entanto, não saiu. Com mais tempo no campo de ataque, os visitantes sentiram dificuldades para criar chances claras.

A postura do Mais Querido pode ter agradado a sua torcida, mas o Avaí, mesmo com a vitória, pode não ter conseguido o mesmo resultado. O público que compareceu ao Estádio da Ressacada não deixou de empurrar sua equipe, mas, em alguns momentos, deixou clara a insatisfação com o sofrimento para garantir os importantes três pontos.

Já no final, aos 43 minutos, Márcio Diogo invadiu a área e sofreu o pênalti. Na cobrança, o experiente Cléber Santana, melhor jogador do Avaí em campo, cobrou com muita categoria, sem tomar distância da bola, fazendo o segundo gol catarinense.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade