Futebol/Liga dos Campeões da Europa - ( - Atualizado )

Com cinco brasileiros, Metalist é excluído da Liga dos Campeões

Nyon (Suíça)

O Metalist, que tem cinco jogadores brasileiros no elenco, foi excluído temporariamente da Liga dos Campeões da Europa na manhã desta quarta-feira. De acordo com a Uefa, o clube ucraniano não cumpriu com o regulamento de admissão nas competições organizadas por ela.

Segundo a entidade máxima do futebol europeu, o Metalist foi enquadrado nos artigos 2.04g, 2.05 e 2.10 do regulamento da Champions League desta temporada, mas ainda poderá recorrer da decisão. O time enfrentaria o Schalke 04, da Alemanha, na fase preliminar do torneio continental.

Divulgação
Metalist, do meia Diego Souza, foi excluído temporariamente da Liga dos Campeões da Europa
Através de um comunicado no site oficial, a Uefa revelou que uma reunião de emergência será feita nesta quarta. A pauta é o que fazer após a exclusão do Metalist da Liga dos Campeões, uma vez que o Schalke 04 precisará de um novo adversário para entrar na fase de grupos.

A Corte Arbitral do Esporte (CAS, em inglês) já havia punido o diretor-esportivo do clube ucraniano, Yevhen Krasnikov, em cinco anos – Krasnikov é acusado de participar de manipulação de resultados de partidas em 2008. Na terceira fase, o Metalist eliminou o Paok, da Grécia, e se classificou.

O zagueiro Rodrigo Moledo, ex-Internacional, o lateral-esquerdo Márcio Azevedo, ex-Botafogo, e os meias Marlos, ex-São Paulo, Cleiton Xavier, ex-Palmeiras, e Diego Souza, ex-Cruzeiro, estão no grupo do Metalist, sediado na Carcóvia, no leste do País.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade