Futebol/Campeonato Italiano - ( - Atualizado )

Em jogo de seis gols, Napoli derrota Chievo e garante liderança

Verona (Itália)

O Napoli visitou o Chievo neste sábado, às 13 horas (de Brasília), pela segunda rodada do Campeonato Italiano. Os azuis lutavam pela segunda vitória na competição. Já a equipe de Verona queria garantir o primeiro triunfo, após empatar a partida de abertura com o Parma. O time do técnico Rafael Benitez derrotou os anfitriões por 4 a 2 e se manteve na liderança da competição.

O primeiro tempo foi movimentado, apesar do domínio inicial do time visitante, as duas equipes chegavam ao ataque com chances de gol e o placar terminou empatado em 2 a 2. Os gols do Napoli foram marcados por Hamsik e Callejón. Paloschi empatou o jogo pelo Chievo por duas vezes.

Na volta dos vestiários, o Napoli pressionou os adversários e manteve a maior posse de bola. A vitória veio com Hamsik e Higuaín, aos 18 e 24 minutos, respectivamente.

Com o resultado, os azuis se garantiram na primeira colocação do campeonato, com 6 pontos e com um saldo de cinco gols. O Chievo permaneceu com 1 ponto e na 10ª posição da tabela da classificação, mas ainda sofre o risco de ser ultrapassado pelos outros times que fecharam a segunda rodada da competição.

Na próxima rodada da competição, o Napoli recebe o Atalanta no dia 15 de setembro, domingo, no estádio San Paolo. O Chievo vai ao Olimpico de Roma para enfrentar a Lazio na mesma data.

AFP
Peça chave na partida, Higuaín foi autor de um gols e uma assistência na vitória do Napoli
O jogo – Visando a liderança da competição, o Napoli iniciou a partida pressionando os anfitriões. Logo aos 9 minutos do primeiro tempo, Higuaín recebeu bom passe de Hamsik dentro da área e chutou forte, mas o goleiro Puggioni executou grande defesa.

Os azuis dominavam o jogo e o Chievo se fechou para neutralizar a pressão. Porém, aos 12 da etapa inicial, o Napoli abriu o placar. Hamsik recebeu de Insigne na entrada da grande área e realizou um tiro rasteiro, para balançar as redes adversárias e marcar o seu terceiro gol na competição.

Com a vantagem, o time do técnico Rafael Benitez valorizou a posses de bola e trocava passe no campo de defesa. O Chievo decidiu ir para cima e correr atrás do prejuízo. Aos 24 minutos, a equipe anfitriã chegou ao empate. Hatemaj cruzou de primeira da área, Britos falhou, Paloschi se antecipou à marcação e mandou a bola para o gol, igualando o placar em Veronna.

AFP
O eslovaco Hamsik foi autor de dois gols na partida e já acumula quatro em duas rodadas disputadas
Quatro minutos depois, os visitantes ficaram à frente do placar novamente. Sardo falhou na ponta direita, Higuaín roubou a bola e cruzou para Callejón. O meio-campo chutou de pé direito e estufou as redes do goleiro Puggioni.

O jogo continuou movimentado e, antes dos jogadores irem para o vestiário, o Chievo empatou a partida. Após um levantamento na área do Napoli, aos 39 minutos do primeiro tempo, Rigoni tentou uma bicicleta que acabou sobrando para Paloschi. O atacante, bem colocado, chutou da pequena área, deixando novamente tudo igual em Verona.

Na volta dos vestiários, o time visitante voltou dominando a partida e, por consequência, a posse de bola. A pressão surtiu efeito e aos 18 minutos do segundo tempo o Napoli ficou à frente do placar pela terceira vez no jogo. Insigne cruzou rasteiro na área do Chievo, César desviou contra o gol e o goleiro Puggioni espalmou. No rebote, Hamsik, bem colocado, chutou forte e fez o terceiro gol do Napoli.

Os azuis continuaram com a posse de bola predominante e ainda tinham as melhores chances. Aos 24 minutos, Higuaín tabelou com Insigne, recebeu na área e tocou na saída do goleiro Puggioni, ampliando a vantagem e selando a vitória da equipe, que jogava fora de casa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade