Futebol/Copa do Brasil - ( )

Emocionado, Elias revela que pediu para sair, mas Mano o manteve

Rio de Janeiro (RJ)

Autor do gol que selou a classificação do Flamengo na Copa do Brasil já no fim da vitória por 1 a 0 sobre o Cruzeiro, Elias revelou que poderia ter deixado o jogo antes do momento decisivo.

“Eu me entreguei e pude fazer o gol. Tinha até pedido para sair, mas o Mano falou para ficar e tive a honra de marcar o gol. Agora é curtir um pouco o momento, foi muito importante vencer hoje. Jogamos bem e merecemos isso”, comentou o volante.

Após chorar ao marcar, o meio-campista explicou a emoção ao fazer o tento. “É muito importante, foi uma sensação que eu não tenho como explicar. Chorei bastante, não sabia para onde correr. O que importa é passar”, relatou.

Elias ainda agradeceu ao departamento médico por ter reunido condições de atuar. “O primeiro diagnóstico dizia que eu ficaria duas semanas parado. Preciso agradecer ao departamento médico por ter tido condições de atuar nesse jogo”, afirmou.

Nas quartas de final da Copa do Brasil, o Rubro-negro encara o Botafogo, que eliminou o Atlético-MG com uma vitória por 4 a 2 em casa e um empate por 2 a 2 como visitante.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade