Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Envolvido em negociação com Real Madrid, Bale é ameaçado de morte

Londres (Inglaterra)

Envolvido em rumores sobre possível transferência ao Real Madrid, o meio-campista Gareth Bale não passa por bom momento em território em inglês. Conforme divulgou o jornal britânico Daily Star na edição desta terça-feira, o atleta do Tottenham Hotspur recebeu ameaças de morte através de um telefonema anônimo.

Preocupado com a segura do atleta galês, o clube londrino já reforçou a segurança nos arredores de seu centro de treinamento e acionou a polícia local para investigar o caso. O presidente do Tottenham Hotspur, Daniel Levy, não deseja negociar o meio-campista, mas deve ir à Espanha ainda hoje para sacramentar a transação.

“Queremos que Bale fique conosco, mas se um jogador está desesperado para sair, é muito difícil obrigá-lo a permanecer na equipe. Já vimos isso em outros clubes. Mesmo que um atleta tenha contrato, não podemos forçá-lo a entrar em campo”, explicou um dos dirigentes do Tottenham, Keith Mills, em declaração ao London Evening.

Bale é um dos jogadores mais cobiçados nesta janela de transferências e não terá sua saída facilitada pelo Tottenham. O Real Madrid estaria disposto a gastar até 100 milhões de euros (aproximadamente R$ 305,7 milhões) em sua contratação. E, segundo o jornal Marca, o clube espanhol já teria acordo válido por seis temporadas com o atleta galês.

Ainda atuando como lateral esquerdo, Bale chegou ao clube inglês em julho de 2007, contratado por 14,7 milhões de euros (aproximadamente R$ 44,9 milhões) junto ao Southampton. O atleta alcançou seu auge nesta temporada, jogando mais avançado, tendo marcado 26 gols em 44 partidas.

AFP
Interessado em ser negociado, Bale aguarda desfecho das conversas entre Tottenham e Real Madrid

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade