Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Fifa e CBF liberam e Bida volta após um ano fora por doping

Goiânia (GO)

Nesta semana, o Atlético-GO anunciou seu principal reforço para a sequência da Série B do Brasileirão. E ele veio do próprio clube. O meia Bida, suspenso desde o ano passado por doping, recebeu o visto positivo da CBF e está liberado para voltar a atuar pelo Dragão.

O jogador foi punido com um ano de suspensão pelo Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) em 2012, após testar positivo no controle antidoping em duas partidas do Campeonato Brasileiro pelo uso do diurético “hidrochlorothiazide” (HCT).

Como cumpriu a pena, o atleta foi informado pela Fifa que o Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), com sede na Suíça, cancelou o julgamento que estava marcado para o dia 20 de agosto.

Desta forma, Bida aguardava a autorização da CBF para poder voltar a disputar partidas oficiais. No último fim de semana, o meia até viajou com a delegação para a partida contra o Avaí, em Florianópolis, pela Série B, mas foi deixado de fora por precaução, temendo uma possível punição ao Dragão por uma escalação irregular do atleta.

Nesta quarta, a diretoria do Dragão recebeu o seguinte documento restante por parte de Manoel Flores, diretor de competições da CBF:

"Caro Presidente,
Após cuidadosa análise concluímos que o atleta VALMIR ROSENO DOS SANTOS (CBF: 172.585) do Atlético Clube Goianiense está apto para atuar na próxima partida de seu clube no Campeonato Brasileiro da Série B/2013. Deduziu-se da pena de um ano imposta pelo STJD, em 28/02/13 (Processo No. 195/2012), o período em que o referido atleta ficou sem atuar (de 27/07/12 até a data da decisão em questão). Sendo assim, a pena foi devidamente cumprida.
Favor repassar ao seu filiado para os devidos fins"

Durante todo o período que esteve afastado, Bida treinou normalmente no clube e, portanto, tem condições de jogo para voltar a atuar já no sábado, quando o Dragão enfrenta o Paraná, pela 11ª rodada da Série B. Desde 2011 no rubro-negro goiano, o meia de 28 anos já disputou 70 partidas pelo clube, marcando 13 gols.

Divulgação/C. Atlético Goianiense
Após um ano suspenso, Bida pode voltar aos campos contra o Paraná, no sábado

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade