Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Flamengo e Atlético-MG buscam a reação no Mané Garrincha

Gazeta Press e Wanderson Lima Brasília (DF)

Dois times tradicionais que precisam reagir no Campeonato Brasileiro. Assim será a realidade com que Flamengo e Atlético-MG vão se deparar quando se encontrarem neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela 11ª rodada da competição.

Derrotados durante a semana, os times seguem na parte de baixo da tabela. O Rubro-Negro perdeu por 3 a 0 para o Bahia e figura na zona de rebaixamento com dez pontos, mesma pontuação do Galo, que vem de derrota por 2 a 1 para o Atlético-PR e só não está entre os quatro últimos por conta dos critérios de desempate.

Mano Menezes alertou para as dificuldades que o Flamengo vai encontrar. “Nós sabemos que as dificuldades serão muito grandes até que as coisas se ajeitem e isso leva tempo. Portanto, é importante que a gente consiga somar pontos mesmo sem ter atingido o estágio ideal. O duelo deste domingo será complicado”, reconheceu o técnico.

No Flamengo, o volante paraguaio Víctor Cáceres reaparece após ficar afastado por três partidas por conta de um incômodo muscular na coxa direita. Outro que volta é o meia Gabriel, que havia sido barrado contra o Bahia. Mano decidiu, então, armar a equipe no 4-4-2, abrindo mão do esquema com três atacantes. Assim, Paulinho ou Carlos Eduardo disputam vaga no ataque ao lado de Marcelo Moreno.

O Atlético-MG ainda curte a conquista da América – na última quinta-feira, o clube realizou uma festa para comemorar o título com mais de 70 mil pessoas – mas chegou o momento do Galo começar a focar a disputa do Brasileiro. O objetivo é aproveitar a fase do ruim do Flamengo para somar três pontos, que serão importantes para dar uma arrancada na competição nacional.

O atacante Diego Tardelli pede aos companheiros para esquecerem a Libertadores e o Mundial de Clubes para focar no Brasileiro. “Temos de priorizar o Brasileiro e depois pensar no Mundial, porque é só em dezembro. É conseguir o máximo de pontos para depois focar no Mundial”, disse o atleta, que acredita que todas as equipes do Brasil vão querer ganhar do campeão da América.

“Todos os times vão querer ganhar do campeão da Libertadores. O Atlético-PR correu igual louco, coisa que a gente não viu na Libertadores. Vai ser isso daqui para frente. Temos de estar preparados, porque todo mundo vai querer ganhar da gente”, declarou.

Para pegar o Flamengo, o técnico Cuca tem alguns problemas. O atacante Jô ainda sente dores na perna. Se ficar de fora Alecsandro será opção. Expulso contra o Atlético-PR, Bernard segue na segunda-feira para a Ucrânia para analisar se aceita ou não a proposta do Shakhtar e engrossa a lista de desfalques do Galo.

Para complementar, o volante Leandro Donizete, o meia-atacante Guilherme e o zagueiro Gilberto Silva, que passou por cirurgia no joelho, estão entregues ao departamento médico e fora do jogo deste domingo. O lateral Júnior César ainda tem vínculo com o time carioca, e por razões contratuais também não enfrenta o Flamengo. Por fim, o craque R10 não vai atuar por opção do técnico Cuca, que argumentou que ele treinou pouco durante a semana devido a uma forte gripe.

Arte GE.Net
FICHA TÉCNICA
FLAMENGO X ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF)
Data: 4 de agosto de 2013 (domingo)
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Altemir Hausmann (RS) e Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)

FLAMENGO: Felipe; Leonardo Moura, Wallace, Marcos González e João Paulo; Cáceres, Luiz Antônio, Elias e Gabriel; Paulinho (Carlos Eduardo) e Marcelo Moreno
Técnico: Mano Menezes

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Richarlyson; Pierre, Josué, Rosinei e Tardelli; Luan e Alecsandro
Técnico: Cuca

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade