Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Guto exalta estreias na Lusa e promete mais atenção nos acréscimos

Bruno Grossi, especial para a GE.net São Paulo (SP)

No dia em que voltou a disputar competições internacionais, a Portuguesa entrou em campo para enfrentar o Bahia na noite desta quinta-feira com diversas novidades na equipe titular. Embora o resultado não tenha sido o esperado, o técnico Guto Ferreira avaliou o desempenho dos estreantes na derrota por 2 a 1 como positivo.

Apresentados na segunda-feira, o meia Carlos Alberto e o atacante Bergson vestiram a camisa rubro-verde pela primeira vez na estreia da Copa Sul-americana e tiveram a atuação exaltada pelo comandante. O primeiro atuou durante os 90 minutos e marcou o único gol paulista no confronto, enquanto o segundo entrou na etapa complementar e ajudou o time a crescer em campo.

“Todos que estrearam e os meninos que entraram foram muito bem. Carlos Alberto marcou o gol, teve boa movimentação. Já o Bergson sequer fez um treino com bola em movimento e teve de vir para o jogo. Ele é um jogador de força, de movimentação e a entrada dele fez com que o Cañete crescesse de produção”, destacou o treinador lusitano.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Obina cabeceou para as redes de Gledson aos 45 do segundo tempo e garantiu a vitória do Bahia no Canindé
Guto Ferreira, no entanto, saiu do Canindé mais uma vez lamentando ter tomado um gol nos minutos finais de uma partida. A história se repetiu por quatro vezes no Campeonato Brasileiro, contra Atlético-PR, Vitória, Criciúma e Coritiba, e teve um capítulo internacional nesta quinta quando Obina cabeceou para as redes de Gledson aos 45 do segundo tempo.

Isso tem acontecido por uma série de questões. Na bola parada o diferencial de estatura de nossa equipe para a do Bahia era muito grande. Existe também o desgaste, já que o Bahia está no ritmo, enquanto tínhamos jogadores atuando pela primeira vez desde maio. Só posso lamentar e trabalhar para não ocorrer mais”, prometeu, pensando no confronto de volta pela Sul-americana, que está marcado para a próxima quarta-feira, às 21h50 (de Brasília), na Arena Fonte Nova.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade