Futebol/Supercopa da Espanha - ( - Atualizado )

Neymar deve ser titular ao lado de Messi na decisão desta quarta

Barcelona (Espanha)

Gerardo ‘Tata Martino’ parece ter se rendido. Após relutar e insistir em deixar Neymar no banco de reservas, o treinador argentino finalmente deve atender ao desejo dos fãs do Barcelona e escalar o brasileiro ao lado de Messi como titular na partida decisiva desta quarta-feira, contra o Atlético de Madrid, pela Supercopa da Espanha.

O jovem reforço blaugrana treinou entre os titulares nas atividades da última terça-feira e tem tudo para começar a sua primeira partida oficial pelo clube azul-grená. Ele deve entrar no lugar do espanhol Pedro e formar o trio de ataque ao lado de Alexis Sánchez e Messi. Segundo a imprensa espanhola, o que pesou para a decisão de Tata foi o desempenho de Neymar nas partidas em que entrou após ser reserva, além dos bons treinamentos realizados durante a semana.

Somado a isto, o comandante teria ficado surpreso com a personalidade demonstrada pelo ex-santista na partida de ida da Supercopa, quando jogou trinta minutos e fez o gol catalão do empate por 1 a 1. “Ele está preparado. Em campo vemos que cada vez se recupera melhor de uma jogada intensa, acompanha um lance do início ao fim, recua no terreno e os espaços já não parecem tão longos”, elogiou Martino.

AFP
A dupla Neymar e Messi deve iniciar sua primeira partida como titular nesta quarta-feira

“O Neymar está jogando de um jeito natural. É difícil entrar em jogo apenas a 30 minutos do fim e somar participações dinâmicas e positivas como tem feito até agora. Sentimos que está cada vez melhor”, completou, dando fortes indícios de que escalará o brasileiro entre os onze inicias na partida desta quarta-feira.

Se confirmada, esta será a primeira escalação de Neymar como titular no Barcelona em partidas oficiais. Até aqui, o brasileiro soma apenas 84 minutos dentro de campo em três jogos disputados. Em sua estreia, contra o Levante, pela 1ª rodada do Campeonato Espanhol, entrou aos 19 minutos do segundo tempo, fez pouca coisa e ainda levou um cartão amarelo. Em seguida, atuou por 31 minutos diante do Atlético de Madrid no primeiro confronto da Supercopa da Espanha. Fez um gol de cabeça em um de seus primeiros lances e garantiu o empate aos catalães. No último fim de semana, contra o Málaga, por outro lado, pisou no gramado aos 18 da segunda etapa, arriscou algumas jogadas individuais, mas não contribuiu efetivamente para a vitória por 1 a 0.

“Eu também tenho vontade de ver o Neymar como titular, mas tenho a obrigação de cuidar de todos os jogadores. Ele é um garoto jovem, com muita experiência, mas que não deixa de ser jovem. Meu desejo é que ele seja atleta do Barcelona por dez ou 12 anos, e não que me resolva partidas imediatamente”, respondeu Tata Martino, quando questionado das razões pelas quais deixou o brasileiro entre os suplentes nas primeiras partidas da temporada.

Se colocar em prática o que trabalhou durante o último treinamento, o comandante catalão deve mandar o seguinte Barcelona a campo nesta quarta-feira, pelo jogo de volta da Supercopa da Espanha: Valdés; Daniel Alves, Piqué, Mascherano, Alba; Busquets, Xavi, Iniesta; Alexis Sanchez, Messi e Neymar. O duelo contra o Atlético de Madrid está maracado para começar às 18 horas (de Brasília), no estádio Camp Nou, na Catalunha.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade