Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

No Maracanã, São Paulo começa semana D contra Botafogo

Tossiro Neto e Gazeta Press Rio de Janeiro (SP)

Quebrado o jejum que já durava 12 rodadas, o São Paulo, ainda na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, agora tem pela frente uma série decisiva de quatro partidas em oito dias, no fechamento do primeiro turno. Às 16 horas (de Brasília) deste domingo, enfrenta a primeira delas, contra o Botafogo, no Maracanã.

"Essa semana vai direcionar muito aonde a gente vai chegar. Acho que temos condição de, vencendo este jogo e passando por essa semana difícil, fazer um segundo turno de muita qualidade e bom rendimento", entende o técnico Paulo Autuori, cuja primeira vitória na competição foi justamente sobre o Fluminense, na rodada passada.

Depois do Botafogo, os adversários serão Náutico (na terça-feira, na Arena Pernambuco), Criciúma (na quinta, no Morumbi) e Coritiba (no domingo, no Couto Pereira). Uma sequência que, se não for superada, tornará de vez a equipe (atualmente com apenas 14 pontos ganhos) candidata ao descenso à segunda divisão nacional.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net
Osvaldo, que não é centroavante de ofício, será o único homem de frente do ataque neste domingo
Desde o último triunfo, o elenco são-paulino pôde se preparar melhor. Mas sem dois jogadores importantes. Luis Fabiano, titular do ataque, e Aloísio, seu reserva imediato, cumprirão suspensão. Já Ademilson sofreu entorse no tornozelo e também não joga. Assim, o esquema será diferente, com um único homem de frente, Osvaldo, que nem centroavante de ofício é.

A segunda vaga, aberta pelo desfalque de Ademilson, ficará com Lucas Evangelista. Mas o jovem meia-atacante atuará como ponta esquerda, do lado oposto de Jadson, enquanto Paulo Henrique Ganso ocupará a faixa central da equipe. Na defesa, por opção técnica, Antônio Carlos deve tomar o lugar de Rafael Toloi ao lado de Rodrigo Caio, este cada vez mais elogiado.

Se o São Paulo encara a sequência como sua semana D, para o Botafogo o efeito de uma vitória neste domingo pode ser imediato. O time treinado por Oswaldo de Oliveira soma dois pontos a menos do que o líder Cruzeiro e pode assumir a ponta em caso de tropeço da equipe mineira. Mas, mesmo sendo ruim a fase do adversário, todo cuidado é considerado pouco.

"Basta olhar para o elenco do São Paulo para perceber que a qualidade de seus jogadores não é compatível com a posição do time na classificação. A lógica é que eles venham a melhorar em breve, até porque ganharam o jogo passado. Justamente por isso vamos ter que nos esforçar bastante para evitar que eles possam pegar o embalo agora", afirma o atacante Rafael Marques.

O Botafogo não terá Jéfferson. Suspenso, o goleiro dará lugar a Renan. Na lateral direita, permanece Edilson, já que Gilberto segue vetado por lesão. Em relação ao duelo com o Atlético-MG - no meio de semana, na classificação para as quartas de final da Copa do Brasil -, o volante Marcelo Mattos, que cumpriu suspensão, e o atacante Elias, não inscrito no torneio, voltam nas vagas de Lucas Zen e Alex, respectivamente.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO X SÃO PAULO

Local: Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 1º de setembro de 2013, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Sandro Meira Ricci (PE)
Assistentes: Alessandro Rocha de Matos (BA) e Luiz Carlos Silva Teixeira (BA)

BOTAFOGO: Renan; Edilson, Dória, Bolívar e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Seedorf, Lodeiro e Rafael Marques; Elias
Técnico: Oswaldo de Oliveira

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Douglas, Rodrigo Caio, Antônio Carlos (Rafael Toloi) e Reinaldo; Wellington, Fabrício e Ganso; Jadson, Lucas Evangelista e Osvaldo
Técnico: Paulo Autuori

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade