Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Para embalar contra Atlético-GO, Ceará aposta em força do Castelão

Fortaleza (CE)

Seis jogos, quatro vitórias e dois empates. Esta é a campanha do Ceará dentro de casa. Invicto, o Vovô foi o responsável por quebrar a invencibilidade da Chapecoense quando atuou em Fortaleza e aposta neste fator para vencer o Atlético-GO nesta sexta-feira, a partir das 19h30 (de Brasília).

Além da força demonstrada atuando em casa, a equipe cearense vive bom momento na Série B e está invicta há três jogos, com duas vitórias (sobre Chapecoense e América-RN) e um empate (com o América-MG). Com 17 pontos, o time ganhou cinco posições na última rodada e já está na parte de cima da tabela, em nono lugar.

Sem problemas de suspensão para escalar a equipe, Sérgio Guedes ainda contará com o retorno do zagueiro Anderson Marques, que não encarou o América-RN por conta do terceiro cartão amarelo. Ele volta no lugar de Douglas, que foi seu substituto.

Magno Alves, decisivo na vitória contra os potiguares, quando deu duas assistências, pede mais confiança para o time.

“Nós não tivemos um bom início de campeonato, mas isso é normal. Estamos vindo de três bons resultados, mas precisamos acreditar mais em nós mesmos, afinal, só assim conseguiremos vencer. O grupo é qualificado, só precisa ter mais regularidade”, declarou o Magnata.

Do lado do Atlético-GO, o momento é de análise e de reformulação na equipe. Os goianos vêm de quatro derrotas seguidas, sem marcar gols em nenhum dos jogos.

Na última rodada, o volante Ernandes e os atacantes Anselmo e Pipico foram barrados da viagem para Chapecó. Os dois primeiros voltam no duelo contra o Ceará, mas Pipico continua fora e só deve voltar contra o Bragantino. Especula-se que os jogadores não estariam com uma boa condição física, mas o preparador físico do clube, Jorge Sotter, nega o boato.

“A questão física não está tão ruim. Temos vários problemas, mas eles são técnicos, táticos, físicos e, principalmente psicológicos. Jogamos bem no primeiro tempo, perdemos chances, então a equipe sente, sobretudo quando leva o primeiro gol. Não temos muito tempo para trabalhar porque temos vários jogos em sequência, mas vamos tentar melhorar”, declarou.

Outro que reforça o time de PC Gusmão, que faz sua estreia, é Marino, que cumpriu suspensão na derrota para a Chapecoense por 3 a 0.

Com 13 pontos, a equipe de Goiânia é a 15ª colocada e tem a mesma pontuação do América-RN, 18º.

Arte GE.Net
FICHA TÉCNICA
CEARÁ X ATLÉTICO-GO

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data: 9 de agosto de 2013
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Mayron F. dos Reis Novais (MA)
Assistentes: Janette Mara Arcanjo (MG) e Antonio Fernando de Sousa Santos (MA)

CEARÁ: Fernando Henrique; Marcos, Diego Ivo, Anderson Marques e Vicente; Eusébio, João Marcos, Ricardinho e Rogerinho; Magno Alves e Léo Gamalho.
Técnico: Sérgio Guedes

ATLÉTICO-GO: Márcio; Rafael Cruz, Artur, Ednei e Diego Giaretta; Renan Foguinho (Ernandes), Marino, Bida e Jorginho; Rafael (Anselmo) e Diogo Campos.
Técnico: PC Gusmão

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade