Futebol/Série B - ( )

Sob forte calor, Atlético-GO e América-MG empatam no Serra Dourada

Goiânia (GO)

No encontro entre o Coelho e o Dragão, ninguém levou a melhor. Buscando terminar a rodada no G-4, o América-MG visitou o Atlético-GO pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e os times não saíram do empate por 1 a 1 no Serra Dourada.

O jogo começou acelerado com oportunidades para ambas as equipe logo nos primeiros minutos. No lance inicial da partida, João Paulo chutou perto da trave do goleiro Mattheus após cruzamento de Anselmo e quase abriu o placar. Um minuto depois, Willians fez jogada em velocidade pela esquerda e quem perdeu para os visitantes foi Marcão que, sozinho na pequena área, não alcançou a bola.

O gol não demoraria a chegar. Numa trapalhada da zaga mineira, o meia Jorginho roubou a bola de Gualberto na entrada da área e tocou na saída do goleiro para abrir o placar para os anfitriões.

Mesmo com a vantagem rubro-negra, a primeira etapa seguiu movimentada para ambos os lados. Aos 14, Rodriguinho quase empatou ao acertar um rebote no travessão da meta atleticana. Dois minutos depois, quem teve a chance de marcar foi Bida, que chutou da entrada da área e quase ampliou para o Dragão.

Aos 28, o América igualou o placar. Nikão recebeu de costas na meia-lua, ajeitou para a canhota e bateu forte. Márcio ainda tocou na bola, mas não consegui evitar o empate do Coelho.

Três minutos depois, Anselmo perdeu a chance de devolver a vantagem ao Dragão. O centroavante recebeu cruzamento de Rafael Cruz sozinho na pequena área e cabeceou forte, no chão. A bola pingou e passou por cima do gol de Mattheus. Vaias da torcida rubro-negra, que pedia a entrada de Pipico, autor de dois gols na partida anterior.

As duas equipes desperdiçam oportunidade e se precipitavam para finalizar as jogadas. Com isso, o primeiro tempo terminou igualado. Já na segunda etapa, a partida ficou mais tranquila. Os cerca de 31 graus de temperatura em Goiânia e a baixa humidade provocaram aumentaram o cansaço dos jogadores, principalmente os do América-MG.

Com isso, o Atlético apertava pelo segundo gol e o América somente esperava para contra-atacar. Mas as principais chances eram do time mineiro. Doriva e Willians ameaçaram desempatar a partida, mas pararam em boas defesas de Márcio. Pelo lado dos goianos, Pipico, que entrou no lugar do vaiado Anselmo atendendo a pedidos da torcida, era quem mais incomodava a defesa do Coelho, mas sem muito perigo.

Aos 34, grande chance desperdiçada pelo América. Jhon Lennon cortou mal o cruzamento vindo da esquerda e a bola sobrou para Rodriguinho finalizar da entrada da área, mas o camisa 10 chutou forte demais e mandou a bola por cima do gol.

Oito minuto depois, o capitão perdeu outra boa chance de levar os três pontos para Minas Gerais. Após passe de Willians, Rodriguinho voltou a ficar cara a cara com o gol de Márcio, mas arriscou um chute rasteiro, colocado, e a bola passou apenas perto da trave esquerda.

No fim, empate por 1 a 1 no Serra Dourada. Resultado muito ruim para o Dragão, que segue sem vencer em casa na Série B e flerta com os últimos postos da tabela. Já para os mineiros, o empate fora de casa não é ruim, mas afasta momentaneamente o time do G-4.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade