Futebol/Seleção Brasileira - ( - Atualizado )

Após exames, Julio César será operado ainda nesta quarta-feira

Londres (Inglaterra)

As suspeitas se confirmaram. Após exames realizados na manhã desta quarta-feira, foi confirmado que o goleiro Julio César terá de passar por cirurgia na mão esquerda. Ele fraturou um dedo ao tentar defender um chute durante treinamento de seu clube, o Queens Park Rangers, na última terça, e colocará um parafuso na mão para acelerar a recuperação.

A intervenção cirúrgica comçou no fim da manhã desta quarta-feira, e Julio passará a noite em observação no hospital, como é de praxe na Inglaterra. O arqueiro chegou a cogitar realizar o procedimento com o médico da Seleção Brasileira, José Luiz Runco, no Rio de Janeiro, mas as dores fizeram-no decidir por ficar em Londres e ser operado por um médico local.

O QPR ainda não estipulou um tempo de recuperação, mas o próprio Runco, em entrevista ao jornal Sportv afirmou que o período de aproximadamente cinco semanas deve ser suficiente para a recuperação. Assim, Julio César deve ficar de fora dos próximos amistosos da Seleção Brasileira, em outubro (dia 12, contra a Coreia do Sul, e dia 15, contra a Zâmbia), ambos na Ásia.

AFP
Com fratura na mão esquerda, Julio Cesar deve ficar cerca de cinco semanas longe dos gramados

Com a confirmação da necessidade por cirurgia, o goleiro deve perder ainda mais espaço no Quens Park Rangers. Muito cotado para deixar o clube nesta janela de transferências, Julio não vinha atuando nesta temporada. O técnico Harry Redknapp optou por escalar Robert Green como titular, e Murphy como reserva nos primeiros jogos da equipe na segunda divisão inglesa.

Apesar disto, o experiente goleiro vinha se firmando na Seleção Brasileira. Destacou-se na Copa das Confederações, em junho, e ganhou respaldo de Luiz Felipe Scolari mesmo atuando fora da primeira divisão da Inglaterra. Recentemente, antes do amistoso contra Portugal, em Boston, o comandante afirmou que Julio César estará na Copa do Mundo de 2014, transformando-o no primeiro brasileiro "convocado" para o Mundial do ano que vem.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade