Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Após mais uma derrota, Náutico confirma a saída do técnico Jorginho

Recife (PE)

A má campanha do Náutico na Série A do campeonato Brasileiro fez mais uma vítima nesta quinta-feira. Após a derrota para o Vasco, na Arena Pernambuco, diante da torcida, o clube alvirrubro anunciou a saída do treinador Jorginho, que havia assumido o Timbu já em situação complicada ao longo da competição.

De acordo com o Twitter oficial do clube, Jorginho se reuniu com o presidente Paulo Wanderley logo após o revés desta quinta-feira. Diante de uma situação bastante delicada na Série A, e a proximidade do rebaixamento, o Náutico oficializou a saída do treinador. Levi Gomes, técnico interino, assume o cargo por tempo indeterminado.

Ao longo da semana, sem conseguir bons resultados no comando alvirrubro, Jorginho já havia manifestado sua irritação com a atual situação do clube, mostrando ao torcedor do Náutico que seria complicado evitar o rebaixamento. Sendo assim. na reunião com a diretoria, o treinador pediu para deixar o cargo.

“Ele (Jorginho) está chateado com a situação, é um treinador vitorioso, não conseguiu os resultados, e não quis permanecer. Não tem problema nenhum. O Levi está efetivado até o final do campeonato”, explicou o gerente de futebol Lúcio Surubim.

Com apenas oito pontos somados, em 17 jogos disputados, o Náutico tem a pior campanha da história dos pontos corridos. Perto do rebaixamento na Série A, o clube alvirrubro tem dois confrontos complicados pela frente. No domingo, fecha o primeiro turno contra o Corinthians, no Estádio do Pacaembu. Na quarta, recebe o Grêmio na Arena Pernambuco.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade