Bastidores - ( - Atualizado )

Após pressão, MP do esporte é aprovada na Câmara dos Deputados

Brasília (DF)

A emenda que altera a Lei Pelé para tornar o esporte no Brasil mais transparente e profissional, inserida na Medida Provisória 620/2013, foi aprovada na Câmara dos Deputados na noite desta terça-feira, em Brasília. Agora, a MP do Esporte segue para votação no Senado, que será realizada na próxima semana.

A ONG Atletas pelo Brasil, que inclui nomes de grande prestígio no cenário esportivo brasileiro, como Ana Moser, Raí, Gustavo Borges, Ricardo Vidal, Pipoka, Carmen de Oliveira, Hortência, Ida e Ana Mota, é co-responsável pela emenda - que tem como principal mudança a limitação dos mandatos presidenciais e de diretores esportivos em quatro anos, com direito a apenas uma reeleição, além da chance de maior participação de ex-atletas na gestão das instituições e também nos processos eleitorais -  e alguns de seus representantes estiveram presentes na votação.

"A aprovação da emenda é, para a gestão do esporte de alto rendimento, um caminho importantíssimo. É também um marco para o esporte em geral. É uma vitória muito significativa, que abre as portas do debate para continuarmos estruturando o esporte do Brasil. Agora é manter a mobilização para a votação no Senado," declarou Ana Moser, presidente da Atletas pelo Brasil.

Na próxima semana, a Medida Provisória 620/2013 passará pela votação no Senado e, caso seja aprovada, precisará apenas da sanção da presidenta Dilma Rousseff para vigorar.

Divulgação
Integrantes da Ong Atletas pelo Brasil comemoram aprovação da MP do Esporte na Câmara dos Deputados

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade