Futebol/Bastidores - ( )

Apresentado, Leandro Campos foca "continuidade" ao trabalho anterior

Guaratinguetá (SP)

Leandro Campos foi apresentado como o novo técnico do Guaratinguetá na tarde desta quarta-feira. Ex-ASA, o treinador será o substituto de Toninho Cecílio, que, mesmo com quatro vitórias em sete jogos, “não se adequou à filosofia do clube” e acabou sendo demitido no último final de semana.

Durante sua primeira coletiva de imprensa, Leandro Campos demonstrou surpresa pela forma como o antecessor saiu, mas se esquivou das polêmicas e falou em dar continuidade ao trabalho de Toninho Cecílio: “Não vamos fazer grandes mudanças, porque estava muito bom, e temos que respeitar”.

Vendo este Campeonato Brasileiro Série B como um dos mais difíceis desde 2000, quando começou a disputá-lo, Leandro Campos indicou que deverá aprimorar mais o psicológico do elenco. “Vamos tentar reunir forças e nos concentrar o máximo possível. Faltam só 14 rodadas”, lembrou.

Ainda ameaçado de rebaixamento na competição nacional, o Guará estreará o novo técnico nesta sexta-feira, às 19h30 (de Brasília), durante visita ao Joinville, pela 25ª rodada. O jogo será na Arena Joinville, no interior de Santa Catarina.

O time do Vale do Paraíba está na 13ª colocação, com 30 pontos – cinco a mais do que o Atlético-GO, que abre a zona de degola –, e vem de um triunfo sobre o América-RN, por 2 a 0, em casa. Após esta partida, a diretoria do clube acabou optando pela demissão de Toninho Cecílio.

Em comunicado oficial, o presidente Israel Vieira revelou que o treinador não se adequou à filosofia de trabalho. Posteriormente, Toninho Cecílio respondeu, apontando a confusão quanto ao real motivo de sua demissão e lamentando “uma das piores sensações da carreira”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade