Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

ASA empata no fim e mantém Paysandu na zona da degola

Arapiraca (AL)

O Paysandu esteve próximo de conquistar um importante resultado na luta contra o rebaixamento à Série C do Campeonato Brasileiro, nesta sexta. Um gol do ASA-Al no fim do jogo, no entanto, empatou a partida em Arapiraca em 1 a 1 e frustrou as intenções do Papão.

Os gols foram marcados no início e no final da partida. Logo aos quatro minutos, Marcelo Nicácio aproveitou rebote de Gilson e mandou para as redes. A cinco minutos do fim, Tiago Garça aproveitou escanteio e testou para empatar.

Com o resultado, o Paysandu chega aos 20 pontos e segue na 18ª colocação. Já o ASA-Al soma 23 e se mantém à frente dos principais concorrentes na luta contra o descenso, em 13º. Na próxima rodada, o Papão recebe o Ceará no Curuzu, às 19h (de Brasília) de terça-feira. No mesmo dia, às 19h30, o ASA-Al tem difícil duelo contra o Palmeiras, no Pacaembu.

O jogo – A partida começou movimentada em Arapiraca. Logo aos quatro minutos, Eduardo Ramos cobrou falta de longe e a zaga cabeceou para trás. Gilson fez a defesa parcial, mas Marcelo Nicácio aproveitou para abrir o placar para o Paysandu. Esse foi a única finalização do atacante no jogo. Contundido, ele teve que ser substituído por Aleilson oito minutos depois.

No minuto seguinte, o ASA chegou com perigo pela primeira vez na partida. De longe, Didira soltou a bomba e obrigou o goleiro Paulo Rafael a mandar pela linha de fundo.

Sem conseguir penetrar a defesa do Papão, o time alagoano passou a dar espaços e tomou dois sustos até o final do primeiro tempo. Primeiro, em chute de Zé Antônio que passou raspando a trave esquerda. Depois, em penetração de Eduardo Ramos, que parou nas mãos de Gilson.

Arte GE.Net
Assim como a primeira, a segunda etapa também começou movimentada. Logo aos 30 segundos, Aleilson aproveitou falha da zaga do ASA e partiu em velocidade do meio-campo. Após boa jogada individual, o jogador chutou e Gilson fez a defesa em dois tempos, afastando a bola com os pés.

A partir daí, o time da casa passou a pressionar em busca do gol de empate. Aos sete minutos, Glaybson tentou duas vezes e parou na defesa do time paraense. Sete minutos mais tarde, Bombinha cabeceou e Paulo Rafael defendeu.

Aos 32, Wanderson recebeu na área e foi travado na hora do chute. Na sobra, Maicon chutou de fora da área e a bola saiu pela linha de fundo. Seis minutos depois, Paulo Rafael voltou a salvar o Paysandu em chutes em sequência de Wanderson e Jeferson.

De tanto insistir, o ASA finalmente chegou ao gol a cinco minutos do tempo regulamentar. Após cobrança de escanteio de Chiquinho Baiano, Tiago Garça desviou de cabeça no canto, sem chances para o goleiro do Papão.

Precisando da vitória para sair da zona do rebaixamento, o Paysandu voltou a se lançar para o ataque nos minutos finais. O time paraense ainda teve duas boas chances de voltar à frente do placar, em cobranças de falta de Zé Antônio. Ambas, porém, pararam em boas defesas de Gilson.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade