Futebol/Brasileiro Série B - ( )

Por temor de goleada, Chapecoense admite retranca contra Palmeiras

São Paulo (SP)

Os jogadores e a comissão técnica do Palmeiras reclamaram da postura defensiva da Chapecoense na partida desta terça-feira, no Pacaembu. Depois do empate por 0 a 0, os jogadores da equipe catarinense admitiram que assumiram uma preocupação maior atrás diante do líder da Série B.

“Primeiramente, nós pensamos em marcar forte e explorar os contra-ataques, porque o Palmeiras tem qualidade. Se você joga de igual para igual, pode tomar goleada. Nós compactamos muito bem e ficamos com o empate”, afirmou o lateral direito Fabiano.

O goleiro Rodolpho, por sua vez, ainda citou as oportunidades desperdiçadas pela Chapecoense de marcar nos contragolpes. “Tivemos chances para matar a partida, mas sabemos que aqui não é fácil e vamos seguir trabalhando para chegarmos longe”, ponderou.

Com o resultado desta terça, no Pacaembu, o Palmeiras permaneceu na dianteira da segunda divisão, com 42 pontos, enquanto a vice-líder Chapecoense tem dois a menos.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
A Chapecoense fez uma marcação forte e segurou o empate sem gols na capital paulista

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade