Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Diogo e Gilberto: esperanças da Lusa para fugir do rebaixamento

Bruno Grossi, especial para a GE.net São Paulo (SP)

A diretoria da Portuguesa não poupou esforços para qualificar o setor ofensivo da equipe para o Campeonato Brasileiro. Nomes como os de Bruno Moraes, Bergson, Wanderson e Neílson chegaram ao Canindé, mas nenhum alcançou o status da dupla formada por Diogo e Gilberto, que anotou os dois gols rubro-verdes na vitória por 2 a 1 sobre a Ponte Preta pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Diogo foi contratado ainda no primeiro semestre e já balançou as redes três vezes na Série A. Já Gilberto chegou aos seis gols no torneio e, ao lado do ídolo formado na base do clube, caiu de vez nas graças da torcida. Diante da Macaca, os dois novamente mostraram grande entrosamento e saíram de campo ovacionado após o triunfo que deixa a equipe muito próxima de deixar a zona de rebaixamento.

“Diogo é um excelente jogador. Acompanhei o início dele aqui e sei o grande jogador que ele é. Aos poucos ele está conquistando confiança e com isso consegue fazer as jogadas com mais antecedência”, destacou Gilberto, que teve o discurso endossado pelo técnico Guto Ferreira. “Mais uma atuação de extrema importância com empenho, dedicação e muita força física”, elogiou o treinador.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Gilberto não deixou de dividir os méritos da segunda vitória seguida da Lusa com Diogo e os companheiros
O comandante também não mediu palavras para destacar o crescimento de Gilberto da capital paulista. Guto viu o centroavante anotar cinco gols desde de sua chegada ao Canindé e garante que a evolução de seu camisa 9 não é fruto do acaso, mas sim de muito esforço do jogador para ganhar a confiança dos companheiros ao ajudar na marcação.

“No começo ainda faltava ritmo, mas ele vem numa crescente. É um jogador que se doa muito, não trabalha só o ofensivo. O que ele está marcando é brincadeira, é fantástico. Ele começa a colher tudo o que está plantando de bom e positivo para o grupo. Ele é o responsável por fazer os gols e é o nove, mas não precisamos nem cobrar, ele já está sendo decisivo. Só posso parabeniza-lo pelos gols e por tudo o que está plantando”, exaltou.

Ainda iniciando a trajetória na Portuguesa, Gilberto conseguiu repetir o bom início que teve por Santa Cruz e Sport nos últimos anos. Embora admita que seja preciso contar com a sorte na vida de centroavante, o artilheiro da Lusa elegeu sua principal virtude: “Cada dia mais a gente é privilegiado com posicionamento e na hora certa estou fazendo os gols”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade