Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Ex-jogador e agora técnico, Gennaro Gattuso é demitido do Palermo

Palermo (Itália)

Gennaro Gattuso não é mais o técnico do Palermo. Nesta quarta-feira, um dia depois de mais uma derrota da equipe na segunda divisão italiana (desta vez para o Bari), o presidente do clube rosanero, Maurizio Zamparini, anunciou a demissão do ex-volante do Milan do comando técnico do time de Palermo.

Zamparini ressaltou a coragem do clube em dar espaço a Gattuso e agradeceu ao treinador pelos serviços prestados durante pouco mais de três meses. “É com verdadeira tristeza que eu informo que Gattuso foi substituído do posto de técnico da equipe. Há tristeza devido ao respeito que eu tenho por Gattuso como homem e sua disciplina. Infelizmente, nós, juntos, demos um passo grande mais ao conceder sua primeira experiência como técnico num clube tão exigente como o Palermo”, afirmou o mandatário.

Ao contrário do que disse Zamparini, o Palermo não foi o primeiro clube treinado por Gattuso. Antes da equipe italiana, o ex-jogador havia comandado o Sion, da Suíça, no qual, curiosamente, também durou apenas 90 dias. No clube suíço, Gattuso atuava como técnico e atleta.

O italiano deixa o Palermo na 12ª colocação da segunda divisão italiana. Rebaixado na última temporada, o time rosanero venceu duas vezes, empatou um duelo e perdeu três partidas em seis confrontos no campeonato de acesso ao Calcio 2014/15.

AFP
Ídolo e ex-jogador do Milan, Gennaro Gattuso deixou o comando técnico do Palermo nesta quarta-feira

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade