Futebol/Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Gabriel admite falha, e gremistas lamentam jogo decidido “no detalhe”

Porto Alegre (RS)

O Grêmio esteve perto de vencer o Atlético-MG neste domingo, na encharcada Arena, em Porto Alegre. Entretanto, perdeu algumas chances frente a frente com o goleiro Victor na segunda etapa e foi castigado: Acabou derrotado por 1 a 0, com gol anotado por Fernandinho aos 16 minutos, e viu a desvantagem para o líder, Cruzeiro, aumentar para nove pontos.

Curiosamente, o gol do Galo foi marcado no momento em que o Grêmio parecia dominar o jogo. Após um primeiro tempo morno, o time gaúcho iniciou a segunda etapa pressionando os mineiros e só não abriu o placar por causa de belas intervenções do goleiro Victor. A primeira delas surgiu aos 14 minutos, quando Vargas aproveitou sobra de bola em uma poça de água e saiu frente a frente com o arqueiro, que levou a melhor. Na sequência, Alex Telles mandou uma bomba de fora da área e obrigou o ex-gremista a trabalhar novamente.

Logo em seguida, Diego Tardelli recebeu bom passe de Jô, puxou contra-ataque com velocidade pela direita e cruzou rasteiro para o meio da área. Fernandinho se antecipou a Gabriel e tocou no angulo direito de Dida, que não alcançou. Após a derrota, que afastou o Tricolor da briga pelo título, os jogadores gremistas lamentaram o erro defensivo.

“A gente sabia que o jogo ia ser decidido num detalhe. E eu falhei. Numa infelicidade que eu tive, deixei o Fernandinho livre e ele fez o gol. Foi um erro que cometi e que acabou gerando a derrota”, admitiu o zagueiro Gabriel, antes de ressaltar: “Mas o que a gente tem que destacar é que o time lutou até o fim e se dedicou para tentar um resultado melhor”.

Divulgação/Grêmio
Time gaúcho esbarrou no campo molhado e não conseguiu superar o Atlético-MG na Arena Grêmio

Ramiro também queixou-se do tropeço e destacou o equilíbrio da partida disputada sob forte chuva na Arena Grêmio, em Porto Alegre. “A gente queria uma vitória em casa e sabia que ia ser um jogo de igual para igual. Foi muito equilibrado e eles aproveitaram uma infelicidade nossa em contra-ataque. Faz parte, nós sabíamos que o jogo seria decidido em um detalhe”, afirmou o volante.

Titular na partida deste domingo, o experiente Zé Roberto também destacou a falta de concentração do Grêmio como ponto fundamental na derrota para o Galo. “A gente falou no intervalo que o jogo ia ser difícil, truncado, porque o campo estava dificultando as ações dos dois times. E aí nós perdemos no detalhe, na falta de concentração”, disse.

“Acabamos falhando na defesa, tomamos o gol, e tivemos dificuldades para durar a defesa deles depois. Eu até tive duas chances e o Vargas outra, mas o Victor foi muito bem”, completou Zé Roberto, que ainda encerrou: “Eu acho que a gente tem que priorizar a determinação do Grêmio, que jogou com garra o tempo todo. Só faltou o gol”.

Terceiro colocado com 37 pontos (nove a menos que o líder, Cruzeiro), o Grêmio volta a campo nesta quarta-feira, quando enfrenta o Santos, às 19h30 (de Brasília), na Arena, em Porto Alegre. O time paulista foi derrotado dentro de casa pelo Botafogo neste fim de semana e ocupa a nona posição do Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade