Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Jornal revela que Real Madrid recusou Neymar por R$ 188 mil em 2006

Madri (Espanha)

Se hoje Neymar é a maior esperança de um futuro ainda mais grandioso para o Barcelona, tudo se deve ao maior rival do clube catalão, o Real Madrid. De acordo com informações publicadas pelo jornal espanhol As nesta quinta-feira, o craque brasileiro havia acertado uma transferência para o clube merengue em 2006 (até então com 14 anos) e só não jogou com a camisa blanca por uma “irrisória” quantia de R$ 188 mil.

Segundo o diário, Neymar impressionou os dirigentes do Real Madrid durante um período de treinamentos em 2006 e foi registrado na Federação Madrilenha de Futebol no dia 30 de março daquele ano. Na ocasião, o brasileiro estava acompanhado de seu pai e do empresário Wagner Ribeiro.

Ramón Martínez, auxiliar técnico do clube, pediu a sua contratação imediatamente, mas o até então presidente do Real, Fernando Martín, não a autorizou. O motivo? O agente de Neymar pedira 60 mil euros (R$ 188 mil, nos valores atuais) pelo passe do jogador, valor considerado alto pelo mandatário para contratar um jovem de apenas 14 anos.

Curiosamente, sete anos depois, o Real Madrid tentou levar o brasileiro de qualquer jeito para o Santiago Bernabéu. Chegou a oferecer uma quantia superior aos 60 milhões de euros (R$ 188 milhões), mas foi preterido pelo rival Barcelona, que pagou “somente” 57 milhões de euros (R$ 178 milhões) para tirar o jogador do Santos.

Reprodução/Diário Ás
Documento revelado pelo jornal As mostra inscrição de Neymar na Federação Espanhola em 2006

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade