Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Palmeiras prevê acesso com mais 18 pontos, mas pensando jogo a jogo

William Correia São Paulo (SP)

A comissão técnica do Palmeiras estimou em 66 a pontuação necessária para se garantir na Série A do Brasileiro do ano que vem. Para atingir esse número, bastam mais seis vitórias. Assim, na expectativa mais otimista, a volta do clube à elite se confirmaria em 5 de outubro, quando o time enfrenta o ABC no Rio Grande do Norte. Mas os jogadores estão proibidos de fazer esse cálculo.

“Temos tudo para atingir a pontuação que realmente nos garanta na Série A, mas ainda somos líderes sem essa garantia. A matemática fala isso. Precisamos ser sérios e dar continuidade porque precisamos das vitórias para atingir esse número mágico”, definiu Gilson Kleina.

Pela campanha, é possível prever com antecedência o retorno do Verdão. A equipe iniciou a 22ª rodada com 15 pontos de distância para o quinto colocado, primeiro clube fora da zona de acesso, e a posição é ocupada pelo América-MG, exatamente o adversário deste sábado.

Os 15 pontos de vantagem, se mantidos, garantem o Palmeiras subirá com cinco rodadas de antecedência, em 2 de novembro, quando enfrenta o Paraná. A distância para o primeiro time fora do G-4, entretanto, será ampliada em caso de vitória neste sábado.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Kleina tenta conter euforia, mas admite que o acesso para a primeira divisão já está à vista
“O importante é que todos estejam comprometidos. Sabemos que o nosso torcedor também está feliz, mas quer continuidade. O que desejamos é manter essa regularidade. Temos uma pontuação por méritos, mas precisamos da pontuação do acesso, não tem como fugir disso”, lembrou Kleina.

“Não trabalhamos com euforia. Estamos felizes, mas é tudo fruto do trabalho. Precisamos estar com o foco bem atento. Nas reapresentações, sempre focamos o próximo jogo, esse pensamento jogo a jogo é importante. A cabeça está totalmente voltada para o América-MG”, prosseguiu.

O próprio técnico, contudo, está ciente de que pode estar à frente de um time recordista. Kleina abriu um sorriso ao ser informado da possibilidade de superar o Corinthians, dono da melhor campanha da história da Série B somando 85 pontos em 2008, número que será superado pelo Verdão se o time tiver 71% de aproveitamento nos 17 jogos restantes – até agora, o aproveitamento do Palmeiras é de 76,2% no torneio.

“Temos prioridades: primeiro, buscar o acesso; depois, o título; depois, quebrar desafios de pontuação. Com esse pensamento, as coisas dentro de campo acontecem com trabalho e conspiram a favor”, encerrou Gilson Kleina.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade