Futebol/Copa Sul-americana - ( )

Ponte 'esquece' Brasileiro para continuar sonhando na Sul-americana

Campinas (SP)

Querendo se esquecer do Campeonato Brasileiro e continuar fazendo história na Copa Sul-americana, a sua primeira competição internacional, a Ponte Preta receberá o Deportivo Pasto, time modesto da Colômbia, nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), no Moisés Lucarelli, pela ida das oitavas de final.

A Macaca terá que deixar de lado a penúltima colocação na Série A e que, se quiser permanecer na elite do futebol nacional, terá que lutar muito neste segundo turno. A equipe também quer chegar o mais longe possível no torneio continental, que tem São Paulo, River Plate e Vélez Sarsfield, por exemplo.

Para isto, o técnico Jorginho receita. “São duas competições completamente diferentes. A gente tem que virar a página e pensar que estamos dentro da Sul-americana. Podemos sonhar grande. Precisamos de um bom resultado aqui para continuar motivando o pessoal”.

Jorginho também aproveitou para convocar a torcida alvinegra a comparecer ao Majestoso, que poderá fazer a diferença nestes mata-matas. “Precisamos do estádio lotado e do apoio da torcida, porque temos que conseguir. É preciso uma sincronia entre todos. Temos que estar todos juntos”, analisou.

PontePress/DJota Carvalho
Jorginho terá missão difícil para tentar fazer seus comandados se esquecerem do rebaixamento no Nacional
E, por enquanto os fãs vão correspondendo ao chamado do treinador. De acordo com a assessoria de imprensa do clube de Campinas (SP), seis mil ingressos foram vendidos antecipadamente, e a expectativa é a de casa cheia na noite desta quarta.

Em termos de escalação, Jorginho testará uma bem diferente da que eliminou o compatriota Criciúma na última fase. A diretoria fez cinco trocas na relação, que já não conta com os dispensados pelo clube – Rodrigo Biro, Ferrugem, Paulo Roberto, Ramírez, Éverton Santos e Dennis.

A exceção fica por conta de Ferrugem, que ainda se recupera de cirurgia no tornozelo. O departamento médico vê que o jogador precisa de mais tempo de preparação. O volante Fellipe Bastos, o meia Elias e os atacantes Adaílton, Leonardo e Rafael Ratão são as novidades da lista.

Do outro lado do duelo, o Deportivo Pasto é relativamente pequeno em seu País, mas tem mais experiência internacional do que a Ponte. O time foi campeão nacional em 2006 e já participou de uma Libertadores e de duas Copas Sul-americana.

Campeão tenta milagre: um dos maiores clubes do futebol chileno, o Universad de Chile tentará um milagre também às 19h30. Campeão da Copa Sul-americana de 2011, o time tentará reverter uma desvantagem de 4 a 0 do argentino Lanús. O jogo será no estádio Nacional de Chile, na capital Santiago.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade