Futebol/Eliminatórias 2014 - ( - Atualizado )

Pressionado, Uruguai visita o Peru, rival direto por vaga na repescagem

Gazeta Press Lima (Peru)

A 15ª rodada das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014, que será disputada no Brasil, reserva fortes emoções. Campeã mundial em 1930 e 1950, a seleção uruguaia entra em ação pressionada pela necessidade de uma vitória para seguir com chances de classificação. O Uruguai, hoje na quinta posição com 16 pontos, visita o Peru às 23h30 (de Brasília), no Estádio Monumental, em Lima, capital peruana. O jogo é quase um confronto direto, pois os anfitriões tem apenas dois pontos a menos e também querem entrar no páreo por uma das últimas vagas.

Pelo regulamento da Eliminatórias Sul-americanas, os quatro primeiros colocados se classificam para o Mundial, enquanto que o quinto colocado disputará a repescagem com um representante asiático que vai sair do confronto entre Jordânia e Uzbequistão.

Uma derrota seria desastrosa para o Uruguai em termos de chances de classificação, pois o tiraria da zona que leva à repescagem. Além disso, a Celeste poderá ser ultrapassada pela Venezuela, que tem os mesmos 16 pontos e um pouco mais cedo, às 21h30 (de Brasília), enfrenta o Chile no Estádio Nacional, em Santiago. Os chilenos aparecem com 21 pontos e ganhando deixam a classificação para a Copa muito bem encaminhada.

Oscar Tabárez, técnico do Uruguai, acredita que a partida contra o Peru seja mesmo uma decisão. Por isso, ele apostará em um trio ofensivo de primeira linha, composto por Luis Suárez, Edinson Cavani e Diego Forlán.

“Trata-se de um confronto direto. Ganhando, a gente praticamente tira o Peru do páreo e se mantém na zona de repescagem, podendo até mesmo se aproximar do pelotão de frente. Perdendo, ficamos em situação delicada. Portanto, a palavra derrota não faz parte do nosso vocabulário”, disse Tabárez.

Em um choque entre duas seleções que estão na zona de classificação, a Colômbia, vice-líder com 23 pontos, três a menos que a Argentina, recebe o Equador, terceiro colocado com 21 pontos, às 17h30 (de Brasília), no Estádio Roberto Meléndez, em Barranquilla.

Muito perto de garantir a vaga no Mundial após 16 anos, os colombianos têm ordem para atacar o adversário desde os primeiros minutos.

“Nós estamos em uma situação bem confortável em termos de tabela de classificação e por isso mesmo podemos ter uma postura ofensiva e tentar deixar a classificação ainda mais encaminhada. Neste momento um ponto não faz tanta diferença se arriscarmos três”, disse o técnico da Colômbia, José Pekerman, que só saberá no vestiário, minutos antes da partida, se poderá contar com o atacante Falcao García, estrela da equipe e que vem sofrendo com uma lesão no tornozelo direito.

Ainda por esta rodada, às 19h30 (de Brasília), o Paraguai recebe a Bolívia no Estádio Defensores del Chaco, em Assunção, em choque de duas equipes já eliminadas. Os paraguaios atravessam uma das principais crises de sua história, segurando a lanterna com oito pontos, dois a menos que os bolivianos, que estão em penúltimo.

Confira o horário das partidas desta sexta pela 15ª rodada das Eliminatórias Sul-americanas:

17h30 Colômbia x Equador

19h30 Paraguai x Bolívia

21h30 Chile x Venezuela

23h30 Peru x Uruguai

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade