Futebol/Brasileiro Série A - ( )

Renato elogia atuação do Grêmio e valoriza posição dentro do G-4

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

Em vez de lamentar que seu time perdeu uma chance de diminuir a diferença para o líder Cruzeiro, Renato Gaúcho manteve o tom costumeiramente positivo a respeito das possibilidades do Grêmio. O técnico preferiu valorizar a atuação de sua equipe no empate em 0 a 0 com o Vitória, salientou a dificuldade de atuar no Barradão e ressaltou a boa colocação da equipe no Brasileiro (o Tricolor é 3º, com 39 pontos).

“É claro que eu gostaria de estar colado no Cruzeiro, mas o Campeonato Brasileiro é difícil. É complicado conseguir a sequência que nós conseguimos. Agora você enfrenta equipes que estão acordando no campeonato, lutando contra o rebaixamento, ou que querem chegar lá na frente. Mas para nos tirarem do G-4 esses times vão ter que tirar pontos de nós”, analisou Renato.

O treinador gostou do que viu no Barradão: “nós tivemos as melhores oportunidades, mas a equipe deles estava bem postada. Nós estamos no G-4, lutando pelo título e por vaga na Libertadores. O que dizer das outras equipes?”, frisou Renato. “O Barcos não jogou tudo o que sabe, mas é o capitão, um ídolo, e é importante para o esquema. Estou muito satisfeito com ele e com o Kleber”, completou.

Renato ainda afirmou que o fato de Zé Roberto sequer tem saído do banco de reservas foi uma opção técnica. “Só tenho três subsitutições, e quem entrou, entrou bem”, resumiu. Quarta-feira o Grêmio volta a campo, desta vez pela Copa do Brasil, quando abrirá as quartas de final diante do Corinthians. Pelo Brasileiro, a equipe jogará no domingo que vem contra o São Paulo, no Morumbi.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade