Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Roberto lamenta chances perdidas e falha da Ponte em gol sofrido

Curitiba (PR)

Em um gramado que oferecia poucas condições de jogo por causa da chuva, a Ponte Preta acabou derrotada pelo Atlético-PR, na noite deste domingo. O gol marcado pelo veterano Paulo Baier, que emendou de primeira longo cruzamento feito pelo lado esquerdo, aconteceu graças à desatenção da marcação pontepretana, na opinião do goleiro Roberto.

“Fazia muito tempo que não jogávamos com chuva, e demorou um pouco para nos adaptarmos ao gramado e às condições da chuva. Levamos um gol que não poderíamos ter levado, em uma bola que nos pegou desarrumados”, disse o arqueiro.

Roberto também lamentou o fato de a Macaca não ter conseguido aproveitar as chances que criou para empatar a partida em Curitiba.

Depois de encerrar, com a vitória sobre o Corinthians, uma sequência de oitos jogos sem vencer, a Ponte voltou a ser derrotada e viu a diferença para o Flamengo, primeiro time fora da zona de rebaixamento, aumentar para oito pontos.

PontePress/Guilherme Dorigatti
Na vice-lanterna do Campeonato Brasileiro, Ponte, do goleiro Roberto, sofreu 33 gols na competição
“Estamos evoluindo para o lado positivo e vamos continuar batalhando. Sabemos que a rodada não foi boa para nós. Mas sempre vamos entrar para deixar a pele em campo e honrar essa camisa para conseguir nosso objetivo”, disse Roberto.

A Macaca volta a campo nesta quarta-feira, quando faz o primeiro jogo das oitavas de final da Copa Sul-americana. A partida será contra o Deportivo Pasto, da Colômbia, às 19h30 (de Brasília), no Moisés Lucarelli.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade