Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Sem ser vendido pelo Liverpool, Suárez afirma: "Estou feliz"

Liverpool (Inglaterra)

Envolvido em diversos rumores nesta janela de transferências do futebol europeu, o atacante Luis Suárez expressou publicamente seu desejo de ser negociado pelo Liverpool, que optou por não vender o atleta. E, em entrevista ao jornal Daily Mirror, nesta terça-feira, o jogador uruguaio descartou ter mágoa com o clube britânico pelo tratamento que recebeu nas últimas semanas.

“Há algumas semanas decidi ficar no Liverpool. O mercado estava fechado para mim há muito tempo e não esperava por qualquer transferência. Desejo que os torcedores continuem acreditando em mim, pois meu compromisso é ajudar a equipe. Não escondo que gostaria de disputar a Liga dos Campeões, mas estou feliz por permanecer no time”, afirmou.

Anteriormente, em entrevista ao jornal The Guardian, Suárez divulgou que havia feito um acordo com os dirigentes do Liverpool para ser negociado nesta janela de transferências. A declaração irritou o treinador da equipe inglesa, Brendan Rodgers, que o afastou até receber pedido de desculpas do atleta uruguaio, que tinha Real Madrid e Arsenal como principais interessados.

O clube de Londres, inclusive, formalizou uma primeira oferta no valor de 35 milhões de euros (R$110 milhões), mas teve a proposta recusada. Na sequência, a expectativa dos dirigentes da equipe da capital era de que 46,5 milhões de euros (aproximadamente R$146,1 milhões) seriam suficientes, mas o valor também não foi aceito.

Um dos destaques do Uruguai na Copa do Mundo de 2010, Luis Suárez chegou ao Liverpool em janeiro de 2011, contratado por 26,5 milhões de euros (cerca de R$ 83,3 milhões) em negociação com o Ajax. Desde então, o atacante se tornou um dos principais jogadores e líderes da equipe britânica. Na última temporada, disputou 44 partidas, sendo 40 como titular, e marcou 30 gols.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade