Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Série B é aprendizado que "nunca mais pode se repetir" para Juninho

William Correia São Paulo (SP)

Juninho foi titular no segundo rebaixamento da história do Palmeiras e agora faz parte do time que se aproxima do bicampeonato da Série B do Campeonato Brasileiro. A temporada, na visão do lateral esquerdo, serve de aprendizado para o clube com mais títulos nacionais no futebol brasileiro. Mas que não pode se repetir.

“Nenhum torcedor, jogador ou funcionário gostaria que o time estivesse na Série B. É um grande aprendizado, mas que nunca mais se repita”, definiu o camisa 6, já cobrando uma equipe forte no ano do centenário. “Para 2014, podemos fazer uma preparação melhor. E aprender a não cair mais para a Série B”, reforçou.

O jogador é um dos poucos remanescentes da vexatória campanha alviverde na liga nacional de 2012. Em entrevistas, já falou que prefere dividir o peso do descenso com atletas que se juntaram ao elenco neste ano, e deseja tirar de vez a marca conquistando a volta à primeira divisão o quanto antes.

“Abrimos uma distância muito grande para o quinto e o segundo colocado e faltam poucas rodadas, nosso objetivo está próximo. Estamos ansiosos para conquistar logo o acesso e colocar o Palmeiras no lugar de onde nunca deveria ter saído”, comentou Juninho.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Lateral esquerdo constata força no time atual e pede que o clube aprenda a não ser mais rebaixado
O Verdão lidera a competição com nove pontos de vantagem para a Chapecoense, segunda colocada, e 17 para o Icasa, que ocupa o quinto lugar e é o primeiro a aparecer fora da zona que garante vaga na Série A do ano que vem. Nas contas da comissão técnica, basta somar nove pontos nos 14 jogos restantes para subir.

Perto do acesso, Juninho pede um time com ainda mais qualidade no ano do centenário. “Temos jogadores de excelente nível, sem dúvida de Série A, e podemos ser muito fortes no ano que vem acrescentando jogadores. Com o aprendizado deste ano, o Palmeiras ficará muito forte para 2014”, projetou o lateral.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade