Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Tite admite erro em expulsão, mas reclama de critério nas punições

Novo Hamburgo (RS)

Tite foi expulso no primeiro tempo de Internacional x Corinthians. Em um lance que totalizou quase dez minutos de paralisação, Cássio saiu de soco, afastou a bola e sofreu falta das mais claras de Leandro Damião. Fabrício balançou a rede com o goleiro caído, e o péssimo Paulo Henrique Godoy Bezerra chegou a dar o gol. Depois, corrigiu o erro.

Na primeira paralisação – a segunda foi para mais um atendimento a Cássio, que acabou sendo substituído com bastante dor –, o técnico do Corinthians chegou a dar um pique, invadindo o gramado. Ele quis dar a sua palavra em uma aglomeração em torno de um dos bandeiras e foi expulso.

“Está errado. O técnico errou e teve que sair, mas que se faça igual com todos. Vi um bolo no bandeira, entrei e errei, porque era um gol que podia ser validado em cima de um jogador que perdi. Entrei erradamente. A única coisa que peço é que os critérios sejam iguais para todos”, afirmou.

Divulgação/Agência Corinthians
Tite foi expulso por invadir o campo durante a confusão do primeiro tempo (foto: Daniel Augusto Jr.)
O gaúcho chegou a demonstrar irritação quando questionado se a anulação foi correta. Controlando-se para não reclamar da falta inexistente que definiu o triunfo por 1 a 0 do Internacional, o treinador alvinegro preferiu comentar apenas o lance do gol anulado de Fabrício.

“Vocês têm todas as televisões, cada um faz seu julgamento. O Cássio saiu do jogo. Não quero ser irônico, mas foi simulação? Olhem o lance e tirem as suas conclusões. Eu tenho a minha”, disse Tite, que ganhou uma série de desfalques para o confronto de domingo, com o Náutico.

Cássio, que machucou cabeça, maxilar e cabeça no lance da falta, ainda tem chance de atuar no Pacaembu. Fábio Santos, substituído com dores no púbis, é desfalque quase certo. Douglas e Emerson receberam o terceiro cartão amarelo – por reclamações com o péssimo juiz catarinense. Guilherme e Renato Augusto seguem lesionados.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade