Futebol/Campeonato Brasileiro - ( )

Tite busca velocidade, mas espera partida lenta em Campo Grande

Marcos Guedes São Paulo (SP)

Tite avisou que o Corinthians não terá grandes mudanças táticas na partida contra a Portuguesa. Ele apontou uma evolução do time nos empates com Cruzeiro e Grêmio e só trabalha um pouco mais de rapidez nas jogadas, embora preveja dificuldade nesse sentido.

“É preciso dar sequência às coisas para que elas te mostrem o resultado. Se você vai, volta e mexe, daqui a pouco, está com uma colcha de retalhos. O que a gente pode fazer é buscar transições e uma velocidade maior, trabalhar em cima dessa característica”, afirmou.

O próprio treinador, no entanto, acha difícil colocar o plano em prática. A Portuguesa vendeu o jogo para a cidade de Campo Grande, atrasada em uma hora em relação ao horário de Brasília. Nos relógios locais, o confronto da 24ª rodada do Campeonato Brasileiro começará às 15h.

Divulgação/Agência Corinthians
A velocidade e a resistência de Edenílson serão armas importantes do Corinthians (foto: Rodrigo Coca)
De acordo com o Climatempo, a temperatura poderá se aproximar dos 30º C, com uma umidade relativa do ar de até 77%. “Baixa a velocidade do jogo, isso é inconteste. É só ver alguns jogos da Espanha na Copa das Confederações”, disse Tite, referindo-se a partidas em condições semelhantes disputadas em Fortaleza.

Seja qual for o ritmo do jogo, o Corinthians terá de se virar para encerrar uma longa sequência negativa de resultados. Se não derrubar a Portuguesa em Mato Grosso do Sul, o time do Parque São Jorge vai completar um mês sem vitória. “Desempenho e resultado. É disso que a gente precisa.”

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade