Futebol/Eliminatórias 2014 - ( - Atualizado )

Venezuela vence Peru de virada e mantém esperanças de ir à Copa

Gazeta Press Puerta de la Cruz (Venezuela)

A seleção da Venezuela segue com suas remotas possibilidades de disputar a Copa do Mundo de 2014. Em partida disputada na noite desta terça-feira, no Estádio General Anzoátegui, Puerto de la Cruz, a equipe venezuelana derrotou a seleção do Peru, de virada, por 3 a 2.

Com a vitória, a Venezuela chegou a 19 pontos, três a menos do que Equador e Uruguai que ocupam, respectivamente, a quarta e quinta posição das Eliminatórias Sul-americanas. Agora, os venezuelanos precisam vencer o único jogo que lhes resta na competição e torcer para que os adversários percam as duas partidas que ainda vão disputar, para continuar sonhando com a conquista de um feito inédito para o futebol do país.

O primeiro tempo foi marcado pelo equilibrio. A Venezuela tentou assumir o controle da partida, mas a marcação da equipe peruana impediu que o time da casa conseguisse criar situações de perigo. Aos 19 minutos, a seleção do Peru abriu o marcador. Hurtado avançou pela direita, a defesa hesitou, e ele chutou forte para colocar nas redes de Hernandez.

Depois de sofrer o gol, a Venezuela aumentou a a pressão e, aos 31 minutos, Martinez teve uma ótima chance para marcar o gol do empate, mas o goleiro Fernandez defendeu com os pés. Aos 36 minutos, o time da casa empatou. O atacante Rondón recebeu na área, se livrou de dois marcadores e chutou forte para deixar tudo igual.

AFP
A Venezuela venceu o Peru por 3 a 2 com gosl de Rondón, Otero e César Gonzales
A Venezuela voltou para o segundo tempo com uma forte marcação sobre a defesa peruana, buscando impedir a troca de passes da equipe adversária. Aos 11 minutos, Orosco chutou forte e Fernandez fez uma defesa segura.

Aos 15 minutos, após cruzamento na área, a bola tocou na mão de Zambrano e o árbitro marcou pênalti, a favor da Venezuela, provocando reclamações veementes dos peruanos. Dois minutos depois da marcação, César González bateu, com categoria, e colocou sua equipe na frente.

O técnico do Peru colocou Paolo Guerrero em campo, numa tentativa de aumentar a força ofensiva da equipe,mas a Venezuela não se assustou e aumentou a vantagem, aos 32 minutos, quando Otero recebeu de Orosco e bateu para marcar o terceiro gol.

O Peru ainda marcou o segundo gol, aos 42 minutos, através de Zambrano, mas não teve tempo nem futebol para buscar melhor sorte na partida.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade