Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Vinicius é convocado para Seleção sub-20 e desfalca Verdão no sábado

William Correia São Paulo (SP)

Gilson Kleina já tem um desfalque confirmado para sábado, mas nem lamenta tanto. Vinicius não poderá enfrentar o América-MG porque na quinta-feira se apresentará à Seleção Brasileira sub-20 no lugar de Otávio, liberado pela CBF a pedido do Inter. O jogador e o técnico do Palmeiras não esconderam a alegria pela presença do atacante no time nacional.

“É a minha primeira convocação e, por conta da vitória contra o ASA, estou duplamente feliz. Devo isso muito ao professor Gilson, que vem me dando muitas oportunidades de mostrar meu futebol, aos meus companheiros, que me ajudam muito dentro e fora de campo, e à torcida, que sempre me incentiva”, disse Vinicius.

O compromisso ainda não é oficial: o jogador se juntará ao grupo que enfrentará a seleção de Santa Catarina em amistoso na cidade de Brusque (SC), no sábado, como comemoração pelos 100 anos do Clube Atlético Carlos Renaux. Mas é uma convocação que emocionou a família de Vinicius e fez Kleina sorrir.

“É uma perda, mas fico muito feliz. O mérito da comissão técnica é de dar sequência para que os garotos possam ter confiança e personalidade. Com esta camisa, você tem que representar e ter produtividade rapidamente, e o Vinicius entendeu bem isso. Cobramos dele o seu drible em direção ao gol, que é nato, mas também o arremate, e a comissão técnica do Gallo deve ter acompanhado isso”, falou o técnico.

Djalma Vassão/Gazeta Press
Atacante foi convocado pela primeira vez para Seleção e agradece a Gilson Kleina pela confiança no Palmeiras
Em sua quarta temporada treinando entre os profissionais, Vinicius agradece ao treinador que mais lhe deu oportunidades. “O Gilson não desistiu de mim. E está sendo um ano muito marcante, estou me deixando cada vez mais feliz. Espero continuar dando meus dribles, minhas assistências e meus gols. A Seleção sempre foi um sonho e agora peguei a base. Quem sabe mais para frente o Felipão me dá uma chance também, né?”

Pensando assim, o jogador de 20 anos pouco lamenta a ausência no jogo de sábado, contra o América-MG. “Vou lá e vou voltar mais forte ainda. Tenho certeza de que quem está aqui, como o Serginho e o Ananias, tem totais condições de me substituir bem”, apostou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade