Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Adiamento de Estaduais é solução de Marin para calendário

Rio de Janeiro (RJ)

Os primeiros resultados da reunião entre Bom Senso FC, movimento organizado pelos jogadores de futebol em busca de melhores condições para o exercício da profissão no Brasil, com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), não devem demorar a aparecer. O presidente da instituição máxima do futebol brasileiro, José Maria Marin considerou proveitoso o encontro.

“Gostei muito da reunião. Os jogadores se mostraram ponderados e com o entendimento de que algumas mudanças não podem ser feitas de um dia para o outro. O mais importante é que houve o consenso de que a CBF tem como maior objetivo fazer de tudo o que é possível em benefício do futebol brasileiro”, declarou.

Em busca de atender as exigências do grupo, que foi representado na reunião desta segunda-feira na sede da CBF por Dida (Grêmio, Paulo André (Corinthians), Juninho Pernambucano e Cris (Vasco) e Seedorf (Botafogo), Marin já começou a agir.

Divulgação
Na sede da CBF, cinco representantes do Bom Senso FC entregaram um dossiê para a CBF
“Estou conversando com os presidentes das Federações e solicitando o adiamento do início dos Estaduais, para que se encontre uma solução que consiga conciliar as necessidade dos jogadores, na sua preparação na pré-temporada, e dos clubes”, acrescentou.

Marin, porém, alertou que as decisões e mudanças pedidas no futebol brasileiro não dependem apenas do órgão presidido por ele.

“Eles (os jogadores) saíram daqui conscientes de que não cabe à CBF uma decisão unilateral sobre os problemas abordados. O que torna necessária a discussão com todos os setores envolvidos, para que se chegue a uma solução benéfica para o futebol brasileiro”, finalizou o presidente.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade